Analisando a vitória

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. maio 2009 17:40

Começo agradecendo aos que me deram os parabéns depois da prova e pros que torceram. Dá pra ouvir nos vídeos a galera gritando e aplaudindo. Brigado mesmo.

Sendo frio, como costumo ser, ao analizar a minha própria vitória falei pro Aurélio na viagem de volta que o grau 1 hoje está fácil. Li depois no Blog do Artur algo parecido. É impóssível não ficar feliz com o resultado, que sinceramente não esperava, mas também é impossível não ser crítico com minhas pistas e ver que é preciso ainda melhor na condução. Muito desse problema de condução pra mim vem do fato de que em treinos ela tem uma forma diferente de agir.

Essa foi a primeira vez que não usei brinquedos na pré-pista. Troquei por comida, petisquinhos sabor carne defumada. Não tenho forçado ela em pista também. Na verdade tenho levado ela até o final. Sábado terminei com uma cacetada de faltas as duas pistas, e no combinado em quarto lugar. Foi o que fiz no domingo e deu mais certo.

Minhas zonas de contato precisam melhorar também. A gangorra em provas é totalmente diferente dos treinos, ela fica mais solta nas provas indo até o final. Nem pensar eu preciso controlar ela nesse obstáculo em treinos. Já na passarela e na Rampa é o contrário. Em provas ela fica mais travada.

Pra finalizar acho que temos no grau 1 hoje várias duplas muito boas que precisam apenas de mais treino, mais concentração, mais provas ou quem sabe mais sorte. O problema é que algumas vezes é necessário tudo isso em apenas uma pista.

Eu falava que era simples vencer o Américas e Caribe ou então ficar no pódio. Bastava zerar duas pistas e pronto. Nesse sentido é que falo que o grau 1 é fácil. Sábado o Anderson venceu zerando ambas as pistas e é mais uma prova disso.

Foto da Marta. Brigadão mais uma vez.

 



Tags:

Comentários

19/5/2009 07:39:46 #

Tiago

Ai truta vc estava muito bem nas suas 2 pistas.
Parabens. Com o schumala tb , vc vem crescendo bastante.

Abraços e continua assim.
Ah!!!! Lembrando de um post antes da viajem, onde vc
diz que estava sem treinar. PELOR AMOR DE DEUS CONTINUA ASSIM, SEM TREINAR ENTÃO kakakaka

Abraços...

Tiago Brasil |

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"