O último até que se prove o contrário

escrito por Fabi Estiga nesta data  22. junho 2009 00:32

Essa foi a primeira foto a ser publicada aqui no Blog. É o Bola com 55 dias. Quando publiquei ele tinha 85. A primeira e a última.

Durante esse tempo escrevi quase 1000 posts. Esses dias ainda falava que deixava aqui pistas para mim mesmo e lendo aquilo que escrevi tenho certeza que tentei fazer o melhor. Nunca fui criticado pelo que escrevi, até fui, mas nada que tenha mudado minha forma de agir ou de pensar. Também nunca fui muito crítico, várias vezes me contive. Enfim, acho que fui um responsável covarde.

Adoro fazer isso e por mim faria apenas isso. Só que falar sempre as mesmas coisas também não tem sido muito legal, me agradaria dar mais liberdade pro que penso. Todos sabem como penso e o que faço e ninguém me conhece. Isso não me agrada muito e sinceramente tanto faz agora. Não é por isso que vou parar.

Vou parar porque estou com vários problemas pra resolver. Como sempre vou falar a verdade. Ao mesmo tempo preciso me dedicar totalmente ao meu trabalho que acabou resultando no blog. Ou me dedico ou paro de trabalhar. "Não há parada errada no olho do furacão". Não vou sumir já que escrevo pra N sites internet a fora, mas esse é o último aqui no Blog por pelo menos seis meses.

Quem sabe em dezembro, mês de aniversário do blog eu volto (?). Quem sabe até com outro blog. Outro nome, outra cara.

Agradeço aos que comentam, de coração, e aos que visitam pela audiência.
O blog vai continuar no ar para consultas e sem atualizações.
Aos meus "seguidores", hehehe, peço que continuem. Sei que vão.

Abraços



Tags:

Os maiores marcadores

escrito por Fabi Estiga nesta data  22. junho 2009 00:23

Dei uma somadinha básica nos pontos de cada condutor pra ver, pura curiosidade, quem havia marcado mais. Coloquei no site da CBA, acho que todos já devem ter visto, mas segue o link abaixo de qualquer forma. Não serve pra nada, talvez pra criar um pouco de rivalidade entre os condutores. Ex: fiquei na frente do Aurélio por um ponto.

http://www.agilitybr.com.br/detalnot_agt.asp?prod_id=1009

A campeã de pontos foi a Rocio.



Tags:

Ótimo gancho, grande pergunta

escrito por Fabi Estiga nesta data  21. junho 2009 18:26

A Maria Valladares que passou o Zael pro Grau 2 hoje no Carioca, parabéns (!), fez uma pergunta muito boa, que me fez pensar um pouco. Comentei que tanto o Aurélio quanto o Fernando estavam trabalhando para fazer o agility crescer. Ela perguntou o que era porque precisavam de sugestões para o Rio de Janeiro.

Primeiro eu queria dizer que nósso agility, do Rio Grande do Sul, foi sabotado no mínimo duas vezes por pessoas que não estão interessadas em fazer o Agility crescer. Alias vou ser mais pratico, uma pessoa apenas, que já foi o melhor condutor do RS, mas que hoje é apenas um fantasma daquilo que ele um dia já foi. Fazer o que ele fez e poderá continuar fazendo é algo tão ridículo que só refletem aquilo que ele realmente é. Enquanto no máximo quatro pessoas tentavam levar um Campeonato Gaúcho oficial, lá em 2006 e 2007, o pequeno (em todos os sentidos) adestrador pedia que os demais condutores não fossem as provas. Isso que ele era a favor do Agility. Mas chega de falar.

Agora porque eu acho que tanto um quanto o outro trabalham em prol do Agility.

Primeiro (novamente) porque eles tentam se manter bem informados em relação as técnicas mais modernas. Buscar novos métodos, tentar achar soluções para possíveis problemas que cada cachorro apresenta é o mínimo que qualquer um pode fazer. Me incluo junto porque estou sempre conversando com os dois e com outras pessoas pela internet, a Val pode atestar isso, procuranto melhorar e entender melhor o funcionamento do esporte. Val, Samy, Tiago, Dan, Samir e mais um monte de gente fazem essa ponte com o RS. Nesse ponto competir em um Campeonato como o Brasileiro e a Copa CBA é importante não apenas para comparar desempenhos, mas também pra ver o que em pista os melhores estão fazendo.

O nosso começo, meu e do Aurélio pelo menos, foi quase do zero. O que sabíamos era ultrapassado e não tinhamos a menor convicção do que estava sendo feito. Atirávamos pra todo lado e os resultados eram pequenos. Hoje um aluno que chega pra treinar já tem um nível de informação altíssimo e se quiser receber mais, se demonstrar interesse receberá mais ainda. E esse é o segundo ponto.

Guardar informação pra si não serve pra nada! Nunca sonegamos informação nenhuma pra ninguém. Muito pelo contrário. Entre nós três pelo menos e somos só nós que fazemos esse agility moderno aqui e os alunos do Fernando e do Aurélio, não há meias palavras. Se eu acho que tá errado falo pra um ou pra outro, discutimos (em tom de conversa, as vezes quebramos o pau mesmo) e chegamos a conclusões juntos sobre o que é melhor ou não. O Aurélio certa vez chegou pra uma galéra, numa prova, e se ofereceu pra dar um curso de condução e treinamento de graça (!). Não cobrou nada e ninguém se interessou em fazer. Alias o Rafael e o Mauro Palermo fizeram aulas. Mas uma aula não adianta. Por que ele se ofereceu? Simples. A diferença entre nosso cachorro mais novo, menos treinado e o mais treinado deles era gritante. Borders que não ficavam dentro do TMP do Grau 1 não dá.

Terceiro. Eu ajudo os dois e ambos estão sempre procurando meios pra divulgar o esporte. Jornais, revistas, folhetos, vez que outra rola algo na TV e uma apresentação. Simplesmente manter duas pistas de Agility ativas com poucos alunos já é um investimento e tanto. Em ambos os treinos o ambiente é ótimo e bem família. Nunca ninguém foi destratado, todos são bem recebidos e viram amigos. O Fernando montou uma Pet Shop, agora em abril, e tem uma mini pista de Agility com grama artificial, é um puta investimento também e isso, em prol da empresa dele ou não, é uma forma de tentar alavancar o esporte.

Garanto que se alguém fizesse isso em Porto Alegre, onde mais temos "treinadores", teria grande sucesso desde que tivesse essas três qualificações. Técnica, compartilhar a técnica, sendo sincero com o aluno pro bem dele mesmo e um ambiente familiar e acolhedor. Aqui não precisa ter uma pusta estrutura, mas o pessoal gosta, porque aqui somos assim, de atenção. Impessoalidade não é conosco.

Não há como fazer provas oficiais hoje, não temos cães nem condutores. O gasto não se justifica. Então me resta mesmo acreditar que o trabalho que está sendo feito pelos dois, seja duplicado por outras escolas e que o Agility continue crescendo.

Serve pra outros estados? Não sei. Só acredito que é o mínimo que qualquer treinador ou escola deveria oferecer.

Nas etapas finais do Brasileiro tivemos alunos do Aurélio e do Fernando nas provas. Trocaram idéias, fizeram amigos, ficaram amigos e esse é o Agility que estamos plantando. Se fosse algo ruim, se nós não gostássemos tanto e se não fizesse bem pra nós eu duvido que algum deles, dos quatro, tivesse passado dois dias inteiros só vendo as provas e não teriam chegado aqui com muito mais vontade de fazer agility. E tudo começou com a nossa transparência aqui no RS.

Na foto do Dani Neves, do Rio, o Tchutchucão. 



Tags:

Terceira vitória de Vettel

escrito por Fabi Estiga nesta data  21. junho 2009 11:59


Duas grandes corridas esse domingo em uma prova sem graça. Até dormi no meio. Vettel simplesmente sobrou hoje como deveria, acho, ter sobrado na Turquia onde cometeu um erro de principiante. Que ele é. Tem apenas 21 anos de idade. Largou na pole, fez a volta mais rápida e venceu. Se fosse agility teria marcado 74 pontos. Perfeito. Sebastião Vettel é o único que pode tirar o título de Button esse ano. Tem 25 pontos de desvantagem.

A segunda grande corrida foi de Massa. largando em 12º, depois de errar e assumir o erro na classificação, sem dar desculpas chegou em 4º lugar. Se tivesse largado melhor talvez até tivesse tirado a 3ª posição do Barrichelo. Nelson Piquet ficou com a 12ª posição.

Barrichelo tirou um pouco da vantagem que Button tinha, é a diferença é pequena, acho que 23 pontos. O problema é que tirando dois pontos por prova não chegará nunca.

Agora é esperar pelo jogo do Brasil e comer uma pipoca falando mal do Dunga.



Tags:

Vettel e o início do inverno

escrito por Fabi Estiga nesta data  20. junho 2009 12:03


E deu Vettel outra vez na pole hoje em Silverstone. Terceira pole do ano. Corrida passada fez a pole e perdeu a vitória na primeira volta quando errou, deixando a vitória para Button. Agora quem larga ao seu lado é Barrichelo que tem a melhor chance de vencer até o momento, já que seu companheiro de equipe larga apenas em sexto. Porém acho que a vitória ficará com a Red Bull. Nesse caso minha torcida é para o Vettel.

Hoje começa o inverno com calor. Parece que quarta-feira começa a esfriar. O outono foi meio frio e vamos ver agora o que nosso clima tem para nos reservar. Tomara que faça frio mesmo.

Na foto acho que é o Vettel hoje em Silverstone Inglaterra. Amanhã corrida as 9 horas, quero ver todo mundo na frente da TV hein.



Tags:

Everlong?

escrito por Fabi Estiga nesta data  19. junho 2009 18:57

Tem vezes que parece que só eu escuto as músicas que embedo aqui, mas se uma pessoa já escutar será uma boa audiência. Everlong é uma balada disfarçada. Típico do Foo Fighters dos anos 90 e das bandas Emo ou Emmo, não sei como se escreve o nome do "movimento". No caso Everlong é minha preferida da banda. A versão orgininal pode ser conferida aqui. A que está abaixo é acústica, mais intimista.



Só volto amanhã depois do treino da F1.


Tags:

Pagando com a língua

escrito por Fabi Estiga nesta data  19. junho 2009 18:33

Hoje a tarde conversava com a Val, minha acessora para assuntos agilitisticos e provedora de hospedagem, sobre o confronto Guíça X Bola. Ela acha que a Guíça é melhor que o Bola eu acho o contrário, porém depois do treino de hoje tive que concordar com ela. Hoje a Guíça está melhor que o Bola. Não sei o que há, mas as vezes ele tá fora do ar ou eu não tô na dele, sei eu.

Na mudança do exercício calhou que gostei muito dos dois. A diferença é que a Guíça está a mais tempo nessa história, com mais treino e já rodou, embora pouco, alguns quilometros no Agility. Porém levo muita fé no Bola, mesmo com esses blinks que ele dá. Tenho que trabalhar mais ele se a idéia é colocar em pista.

Achei o carregador do meu celular, alias comprei outro. Achei pra comprar.

Além de mim e dos meus dois cuscos tivemos ainda Lupi, dog do Leandro que foi pra Sampa ver as últimas etapas do Brasileiro e o Dylan. Os dois aguardando suas estréias. Vamos ver pra quando serão. Sempre levei fé no Dylan, o Aurélio só precisa começar a correr um pouco mais. Sair 10 metros na frente e chegar dois atrás não dá. Desculpe a crítina brother, masss... é pro teu bem.



Tags:

Albino

escrito por Fabi Estiga nesta data  19. junho 2009 11:44


Fusca sem marca, comprado por 5 reais e tem até fricção. Muito mais detalhado que os famosos Hotwheels e Matchbox. Sinaleiras pintadas, tem placa na frente e atras, os frisos cromados na linha de cintura e no capo, faróis. Bem bonita e honesta. Por 5 reais. Ela só é um pouco menor que 1:64. Gosto dos branquinhos.

Sem mulheres, cães ou homens.



Tags:

E os meus dogs agora? Guíça

escrito por Fabi Estiga nesta data  19. junho 2009 11:21

Falei nada sobre o final de semana dentro de pista até agora. Pouco tempo, muito trabalho e um pouco de reflexão da minha parte também.

Vou começar com números básicos. Competi o Brasileiro inteiro com a Guíça, primeira vez que isso acontece. Antes sempre havia parado no meio, ou no fim. Então fiz com ela 20 pistas. Dessas eu completei 16 o que eu considero um número bem expressivo. No início do Campeonato fui desclassificado nas quatro pistas do Dog World. No CTA foram três completas, Em Campinas as quatro, no Dog World mais quatro, passei pro grau 2 nesse meio lá no DW e agora no CTA novamente mais três.

Queria mesmo era terminar no Brasileirão no Grau 3, mas não deu. Essa era a meta e se mostrou alta demais.

As qualificações das pistas foram as seguintes:

- 6 x Desclassificado
- 5 x Muito Bom
- 4 x Excelente Zerado
- 3 x Excelente
- 1 x Bom
- 1 x Não Qualificado

Os muito bom cresceram no Grau 2. Final de semana foram zero faltas de zona, nenhuma barra derrubada, apenas um elemento do distância derrubado e três refúgos. Engraçado que cada vez que mudo de grau levo muitos refúgos com ela. To sempre precisando me adaptar. Todos minha culpa.

Agora acho que continuar o trabalho, tentando melhorar as zonas de contato e o slalon. Teremos uma grande pausa até a primeira prova, que nem sei quando será pra nós do RS. No mínimo 50 dias. Dá pra trabalhar direitinho e melhorar os probleminhas que temos.

Fiquei bem feliz também por ter voltado ao pódio.
Foram quatro! Em dez provas é um bom número e quase seguidos.
Na foto a Guíça, num click da Valéria Alves, lá no CTA.



Tags:

Shetlands fazem mal a saúde 2

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. junho 2009 23:45

No mínimo não pode sair na rua porque o cachorro tem um treco. Ai vira um sedentário na frente da televisão. Que venham as bombas, to preparado.


Tags:

Em qualquer tempo, em qualquer mar

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. junho 2009 18:42

"Navegar independente do tempo e do mar". Metáfora interessante.

Meu celular morreu, falta de comida. Com o PT, ou a PT do carregador ele está desde segunda fora de combate. Não tem o carregador pra vender aqui em São Leopoldo. Ainda na onda da falta de sorte (escrever azar atrai azar), ontem fiquei preso no estacionamento do Shopping, meu ticket não funcionou, cheguei em casa minha chave não abriu a porta.... podia ser pior, não é?

Talvez eu esteja aprendendo então a navegar em qualquer tempo.

Ontem, ou antes de ontem falava sobre algo parecido em relação ao Agility com o Samy. Onde temos que aprender a passar pelos obstáculos, não os físicos já que esses nossos cães ultrapassam até facilmente. Nossos osbtáculos são mentais, psicológicos, as derrotas, as desclassificações, etc. Uma hora somos os melhores no outro somos piores que o pior. Perder é um dos caminhos do vencer. Óbvio que é chato só perder, mas ninguém passa a vida inteira no Topo. Bem como a vida de ninguém aqui é um mar de rosas.

Na foto o carregador que se escafedeu. Se alguém souber do paradeiro do dito por favor entre em contato!



Tags:

Programa pra sábado

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. junho 2009 12:03

Sábado agora dia 20 tem o Arraiá 2009 do Dog World. Com Palestra sobre como evitar lesões com a Rocio e Val. Lesões nos cães. Agora no inverno isso pode ser mais comum do que imaginamos. Tira da caixa frio e vai pra pista direto.

Depois da palestra um Match, não poderia faltar é claro uns obstáculos em qualquer festa de agilitista. Quando não tem algo está errado.

E pra terminar a festa junina do Dog World. Na foto ao lado podemos ver Samy e Dan (The Wroblewskis) já caracterizados para a grande festa.

Brincadeiras a parte ano passado Zoei com o Samy colocando ele sem dente na capa da Newsletter da mesma festa, só que na versão 2008. Prometi não colocar novamente ele sem dente. Antes de enviar, ano passado, perguntei pro Dan se o Samy não ia ficar bravo. Ele disse "claro que vai!". Ai combinamos jogar a culpa um no outro, hehehe.

Quem quiser ver a Newsletter completa segue o link abaixo:
http://www.bordercollie.com.br/newsletter/htmls/20090615.html

Se você não recebe a News do Dog World assine!
Basta acessar o site, logo na capa tem um formulário.
www.bordercollie.com.br

Putz, vai ser divertido, pena que é tão longe.



Tags: , ,

Enquanto isso na Blogolândia - Sequestro

escrito por Fabi Estiga nesta data  17. junho 2009 19:15

O melhor e o pior do final de semana aqui.

Senta que lá vem a história, no blog da Dani, fala um pouco do nosso quase sequestro em São Paulo:
http://daniellak.blogspot.com/2009/06/senta-que-la-vem-historia.html
Momentos difíceis.

Quando o descarte é ruim... Post da Vivian falando sobre quando mais é menos.
http://virazel.blogspot.com/2009/06/quando-o-descarte-e-ruim.html
Sou contra os descartes.

Finalmente Final. Marta fala sobre o seu final de semana, alias, seu domingo.
http://letyouselfin.blogspot.com/2009/06/acabouu.html

Boa dica da Maria Valladares do Rio. Guia Quatro Rodas para viagem com cães.
http://marvallshetlands.blogspot.com/2009/06/guia-4-rodas-viajando-com-caes.html
Poderia ser 4Rodas e 4Patas.

Fernanda fala sobre a vitória no Desafio Tudo de Cão.
http://oquevocefariaaa.blogspot.com/2009/06/ganhamos.html
Putz, jurei que ia me esforçar e fazer. Acompanhei e não fiz nada. Putz.

Acho que é isso pessoal.



Tags:

Fusca azul

escrito por Fabi Estiga nesta data  17. junho 2009 16:06


Essa vai em homenagem ao Miguel Ferigatto de Sorocaba que coleciona miniaturas 1:64 também e para a Vivian também que postou um azul no Blog dela na segunda-feira. Quem quiser ver o link segue abaixo:
http://virazel.blogspot.com/2009/06/besouro-mais-lindo.html

Esse é o primeiro carrinho da minha coleção que aparece aqui. É um Fusca 1300S 1973 da Maisto. Tem suspensão e tudo. Um dos meus preferidos.



Tags:

E se houvesse um ranking de escolas?

escrito por Fabi Estiga nesta data  17. junho 2009 02:20

Não usei regulamento algum. Apenas somei os pontos de cada dupla em cada grau e pronto. Não é oficial, nem será. Apenas fiquei curioso em saber qual a posição de cada escola. Claro que essa soma, nem posso chamar de ranking, não reflete realmente a qualidade de cada uma das escolas. Reflete mais a quantidade de duplas. DW e CTA são grandes escolas e a diferença entre as duas está no fato de que a primeira tem cães espalhados por todos os graus. Da base aos "Profissionais". Abrafa por exemplo conquistou o 3º com os seus iniciantes e a Cãopetição só marcou com os iniciantes e ficou com a 7ª.

A divisão que houve na Amigo Cão por exemplo não influenciou na posição das duas equipes. Normalmente com o mesmo número de duplas por etapa juntas teriam a 8ª posição ao invés da 9ª e 10ª. A escola do RS antes do Agility Paraná. Já falei sobre isso e até achei que ambas as equipes ficariam abaixo do top10, mas ambas cresceram, não em duplas, mas em número de pontos.

Destaque pra mim nesse ranking é a Guarda Municipal de Jundiaí. Representada pelo Daniel e seu Rottweiler Apolo, marcaram uma cacetada de pontos. Parabéns!



Tags:

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"