Até o próximo domingo - me guardando

escrito por Fabi Estiga nesta data  31. janeiro 2016 21:51

"Quem me vê sempre parado distante garante que eu não sei sambar, tô me guardando pra quando o carnaval chegar" Chico Buarque.

Pois é, semana que termina ou começa. Vou pra SP, vou singular, porque será uma viagem solo, eu e os cães. O motivo explico durante a semana. Pra passar o carnaval e aniversários na capital de tudo do Brasil.

Até mudei a foto do topo, para um motivo mais estrada, se ainda está vendo o Nimoy basta atualizar. Desde agosto (2015) que não rodo para o sudeste, com cães desde julho, estou com saudades da estrada. Vários preparativos, várias coisas pra fazer e ainda trabalhar. Quarta, dia 3, começo o desloucamento.

Por outro lado, do agility, não teremos provas marcadas. O que é estranhamente bom. Desde que fizemos aquela louca, e boa, viagem para o Rio de Janeiro, que não competimos. Parece estranho falar assim, que é bom, mas é. Ficar fora do meio, ver tudo com outros olhos, não ver, faz bem. Todos dormem, passam para a chave OFF, e acordam depois renovados. Espero que seja assim comigo. Se não for, paciência.

Olhando a foto ao lado, que não chega a 0,5% da viagem, parece até cansativo. E é.



Tags:

Até o próximo domingo

Ah uma Kombi - |o_\/_o| qual o tamanho do teu sonho

escrito por Fabi Estiga nesta data  31. janeiro 2016 12:28

Ontem eu estava no NetFlix procurando um filme e vi o seguinte nome "Sem dor, sem ganho". Pensei "pra que traduzir". É o velho e bom lema "no pain, no gain". Eu não gosto muito do "você é o que você come". Prefiro "você é o que você sonha". E eu sonho muito, mas procuro ter sonhos em vários níveis. Do fácil ao impossível. Sonho em pilotar um Fórmula 1, mas também sonho em fazer um carrinho de rolimâ. Algo que posso fazer amanhã mesmo.

Aqui em Tiethere eu via na rua da casa da minha avó, a gurizada descer a lomba com os carrinhos. Assim que foi asfaltada. Cheguei a descer uma ou duas vezes, com um emprestado, porém a minha geração foi a primeira que teve o skate como brinquedo do dia a dia.

Seja onde for, no que for, tenha um sonho, não uma meta. Sonhos são mais legais que metas.

Além desse carrinho de Rolimã eu tenho um sonho maior, que pode crescer ou diminuir. Meu sonho impossível não é andar num Fórmula 1. Meu sonho impossível é ter uma garagem para uns 12 carros e ir colocando muitos volkswagens lá dentro.

Enquanto não realizo isso, o próximo alvo é a Kombi. Pode ser que no meio do caminho o sonho mude, acontece, no entanto agora é isso. E para realizar essa ai da foto abaixo seria o possível. 1998, refrigerada a ar, moderna, não das últimas, porém seria realizar o sonho.



Tags:

Ah uma Kombi

Burning the Movie - alongamento

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. janeiro 2016 16:31

Está lá no Blog dos Ferigattos, as fotos da abertura da VII Copa CBA. Link aqui. Impressionante. Isso ai, com certeza é resultado das aulas de pilates três vezes por semana. Me chamou a atenção a extrema demonstração de elasticidade do Seo Kuka.



Tags: ,

Burning the Movie

Ah uma Kombi |o_\/_o| - Find Momo

escrito por Fabi Estiga nesta data  23. janeiro 2016 13:49

Momo é um Border Collie. Já publiquei algumas fotos dele aqui. O melhor de tudo é a "Kombinação" do veículo com o cachorro. Isso é fantástico. Ele viaja com o Momo e vai tirando fotos. Virou um livro. Find Momo - Coast to Coast. Clica que a capa amplia. O site com muitas, mas MUITAS fotos do Momo está aqui. Vale a visita porque as fotos são incríveis.

Só me falta uma koisa pra fazer algo assim. Os kachorros já tenho, kâmera também, blog (X). Separei abaixo mais três fotos legais lá do site do Momo. No entanto recomendo uma visita, a cada sete dias, pelo tempo que o site estiver sendo atualizado!



Tags: ,

Ah uma Kombi | Fotos

335 Motivos pra gostar de Rock - Rhonda

escrito por Fabi Estiga nesta data  23. janeiro 2016 13:41
Tô num momento Beach Boys, deve ser o calor e a praia. SQN.



Tags:

335 motivos

Roubando Cachorro

escrito por Fabi Estiga nesta data  20. janeiro 2016 18:22

Muitas vezes condutores se deparam com a terrível situação, ter um cachorro que vai melhor com outro condutor. Alguns pensam que qualquer cachorro parece melhor com outro, mas é irreal. Se chama "complexo de grama verde do vizinho". A verdadde é que existem tempos e tempos, o que pode ser um cão maduro pode estar com um condutor que aguarda, ainda, por mais quilometragem. Abaixo: Théo e Godú by Ferigatto.wordpress.

O canino aprende mais rápido que o humano. Máxima do Agility.

Por isso prefiro que meus cães apenas treinem comigo. Pra que eles tenham os meus defeitos e virtudes. Se é que elas existem, kk. Eu torro muito a Vivian com a Coca, pedindo pra trocar a Glee por ela, mas a Coca mesmo prefere sua condutora. De qualquer forma eu penso que a Coca só é o que ela é, pro bom e ruim, porque ela é da Vivian. Fora da pista ela prefere ficar comigo. :-)

Treinei apenas o slalon dela, o que foi ruim. Porque o cachorro ficou com o meu tempo. Depois a Vívian teve dificuldades com isso. Mas na ocasião, muito perto do Américas e Caribe 2015, foi a saída. Eu vinha de um bom método de treino nesse obstáculo, muito eficaz, e achamos uma boa. Foi pro dog, pra dupla não.

Abaixo Vivian e Coke no A&C2015, by Ferigatto.Wordpress

Muitos cães só rendem com seus condutores, o que é absolutamente normal. O vínculo faz toda diferença. Um border, ele não quer muito pensar em quem leva o brinquedo, apenas pensa no trabalho. A maioria não é assim. A maioria depende dos elos de ligação, cão/condutor.

Acho muito chata a situação que se cria, quando alguém experiente pega o cachorro de outro. Jamais pediria isso pra alguém. Se me fosse oferecido pensaria algumas vezes. Pegar sem pedir então nem se fala, no entanto acontece. Tudo é uma questão de explicar, o motivo para se atracar com o canino alheio.

Fica ai a reflexão.



Tags: , ,

Agility

Ah uma Kombi |o_\/_o| projeto agility em qualquer lugar

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. janeiro 2016 18:47

Agora falando sério, porque sempre que se fala em Kombi sempre tem um que de brincadeira. Mas quando pensei em ter uma Kombi pra viajar, logo pensei de cara em levar o agility para qualquer lugar. Imagina, sacar os obstáculos do carro, montar uma barraca, e fazer um pouco de agility em qualquer lugar que você estiver.

Acho que essa pode ser uma boa filosofia de vida. Não que eu precise de uma Kombi, muito menos de agility. Pensando bem eu preciso de muito pouco pra viver, mas pra realizar sonhos precisamos de mais. Começa oficialmente aqui o projeto.



Tags: ,

Agility | Ah uma Kombi

#ontheroad - #dUsTiXa - a primeira

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. janeiro 2016 12:18

"A estrada é uma velha amiga" como diz a música da banda Cachorro Grande. Então pode passar muito tempo que quando a reencontra tudo volta a ser como era antes. Acima eu e Vívian. Fomos ao morro da Borússia, que fica em Osório, cidade distante coisa de 70km de Tiethere. Mas o que é o morro da Borússia?

Escuta aqui a música Velha Amiga da Cachorro Grande.

 

Difícil explicar. Mas é um morro com restaurantes, mirantes, rampas de salto para asa delta, entre outras coisas mais. Desde o meio do ano estava afim de ir lá. Só agora conseguimos alinhar tudo. Abaixo eu sentado na beira da Rampa de onde caem as asas.

E chegamos em um sítio onde haviam duas cachoeiras, na verdade várias. Lugar legal para fazer um churrasco, passar a tarde. Mas as pessoas, na minha opinião, fazem com que o passeio perca um pouco da graça. Porque é justamente a falta de estrutura que faz o lugar bonito. Quando você leva a estrutura para esse lugar, sinceramente, fica meio feio. Quero voltar lá, num dia comum, com menos gente, menos churrasco...

Mais imagens aqui na galeria do Facebook.

Abaixo a Vívian procurando sinal no meio do mato. Fotos assim são raras, era preciso um esforço retratístico para enquadrar pouca gente nas fotos.

Mas foi um belo passeio, comemos boa comida, tiramos boas fotos, boas e novas histórias em um ano que está apenas começando. Histórias que estão apenas começando. Semana passada fomos até Porto Alegre e viramos turistas, eu principalmente, numa cidade em que morei por 20 anos. Foi onde eu mais morei durante minha vida. E nesse final de semana fomos dar outras voltas, num lugar que passamos inúmeras vezes, centenas quase milhares. Caminho que é para sair do estado, via BR101.

Aliás, saudades da "briói". Acho que mês que vem conseguiremos sair do estado outra vez, desde as férias de inverno (2015)que não adentramos em solos "Santos Catarísticos, Paranasienses e São Paulásticos". Quem sabe? E quando não der, ficamos aqui pelo RS mesmo. O estado é lindo, basta saber quando e pra onde olhar. Abaixo, a 101, em Osório.



Tags:

On the Road

Lorde- Welcome to your life

escrito por Fabi Estiga nesta data  13. janeiro 2016 10:47

Melhor que a original a versão da Lorde, que ficou conhecida pelo sucesso Royals, tem mais a cara da letra da música. O Tears for Fears tem uma pegada para essa música muito "happy", que é válida, no entanto eu particularmente prefiro letra e atitude para o mesmo lado. O Gilmour não canta "Confortably Numb" rindo.

O Tears for Fears não trata com desdém o tema da música, que diz "todos querem mandar no mundo", mas a versão da Lorde é mais profunda, crua. Ouvi a primeira vez num clipe de uma matéria de esportes na TV e fui atrás pra ver quem cantava.

A música cria um clima e vai crescendo. Com isso você presta mais atenção no conteúdo da letra e menos no ritmo feliz da versão original, que gosto pra caramba.



Tags: ,

Música

Ah uma Kombi - |o_\/_o| - assim fica fácil ter um Golden

escrito por Fabi Estiga nesta data  12. janeiro 2016 23:20

ASSINALE A MELHOR OPÇÃO. DEU UMA VONTADE DE...

(   ) PEGAR A ESTRADA
(   ) TER UMA kOMBI
(   ) TER UM GOLDEN
(   ) TODAS AS ALTERNATIVAS ESTÃO CORRETAS E FABIANO FICOU LOUCO



Tags:

Ah uma Kombi

Ah uma Kombi - |o_\/_o| em boas condições 1

escrito por Fabi Estiga nesta data  11. janeiro 2016 23:26

Agora mesmo, Théo entra no quarto que chamamos de escritório, com um geladinho na mão, e fala, olhando para algumas fotos na tela do meu PC "nós vamos conseguir uma Kombi em boas condições?". Depois de um breve momento de uma risada contida, respondo: "espero que sim".



Tags:

Ah uma Kombi

Bowie - você escuta sem nem saber que é

escrito por Fabi Estiga nesta data  11. janeiro 2016 14:01

Não dá pra dizer que David Bowie era um Roqueiro, porque ele foi além dos rótulos primários que colocamos em todos. É um artista Pop. Artista, não músico, não roqueiro, antes de tudo um artista. Daqueles que você escuta sem nem saber que está escutando porque sua obra influenciou tanta gente, e assim continuará, que é impossível dimensionar onde você está escutando Bowie ou não.

Eu gosto muito de Rock gaucho, e o Nenhum de Nós fez uma versão de "Starman". Não é uma tradução, a música é bem diferente, mas o sentido o mesmo. A versão do "NdN" se chama "Astronáuta de Mármore". Assim, antes de saber quem era David Bowie, eu já era fortemente influenciado por sua obra.



Tags:

Música

Love - foto

escrito por Fabi Estiga nesta data  10. janeiro 2016 21:38

A primeira máquina fotográfica que tive acesso foi uma Love. Sei-lá, eu tinha uns 7 ou 8 anos. Coisas do meu pai que me incentivou nessa arte, onde eu não sou artista, diga-se. A Love era uma máquina descartável, plástica, que você comprava, tirava as fotos e depois devolvia. As fotos eram reveladas, pelo menos as que recebíamos, três cada pose. Duas pequenas e uma maior.

A máquina, simpática, ao lado. O Flash, isso que parece ser um cubo de gelo, era vendido serparado. As fotinhos pequenas eram ruins de ver detalhes. No geral as fotos não eram grandes coisas. Como as fotos dos celulares, dá pra enganar.

Mais tarde ganhei uma Kodak de filme mesmo. Toda de plástico. Acho que meu pai ganhou e me deu. E continuei a dar minhas clicadas.

Porém a história acima é apenas pra introduzir o fato de que essa foto que tirei com meu celular hoje ficou muito "Love". Vívian e Théo na porta da Catedral. Fiz uma montagem e tornar mais parecida com o estilo anos 70/80 da descartável.



Tags: ,

Fotos

Até o próximo domingo - ponto de vista

escrito por Fabi Estiga nesta data  10. janeiro 2016 21:26

Domingo de verão, Porto Alegre vazia. Um caminho errado e fomos parar no centrão de Porto Alegre. Aproveitamos para entrar na Catedral Metropolitana, uma igreja grande. Entramos, sentamos e no silêncio pensamos. TIramos umas fotos na saída.

Tudo é uma questão, sempre, de ponto de vista. A velha batida história do copo meio cheio ou meio vazio. Vale mentalizar que nem sempre um copo meio cheio é melhor. Secar o copo, matar a sede e completar o vasilhame novamente também é legal.

Eu tenho um lado turista bem aflorado. Gosto de parar e ver as coisas. Gosto de tirar fotos. Qualquer dia quero andar nesse ônibus que aparece atrás da Vìvian, ele faz um tour pela cidade, coisa de turísta mesmo, mas creio que a maior parte das pessoas viajam pelas ruas da capital do RS são mesmo portoalegrenses.

Gauchos não são portoalegrenses e vice-versa. Na foto, tiro trocado não dói.



Tags: , ,

Até o próximo domingo

Ah uma Kombi - quem acha que ganha?

escrito por Fabi Estiga nesta data  5. janeiro 2016 22:57

Barrichello tem um programa no youtube, fala basicamente sobre carros. Nesse episodio ele testou uma Kombi com motor Turbo de 120 cavalos e um Delorean. Por que uma Kombi? Ah ai, você precisa assistir ao filme "De volta para o futuro".

A Kombi é comemorativa ao encerramento da fabricação. Muito bonita, mas Rubens não quis acelerar tudo que poderia com medo de capotar o pão de forma. Uma pena. Assista ao vídeo abaixo, é bem legal.



Tags:

Ah uma Kombi

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"