pOsTmIx: tudo ao mesmo tempo

escrito por Fabi Estiga nesta data  31. janeiro 2017 21:24

Hoje o dia começou como terminou ontem. Eu tentando resolver sem muito sucesso o problema do site da CBA. Simplesmente não acessava. No último dia das inscrições para a Copa CBA.

Dormi ontem com o plano B pronto, colocar a lista de inscritos no ar em outro servidor. E foi o que fiz já que o suporte técnico da King Host não resolveu, nem deu nenhuma satisfação sobre o que poderia ser o problema, nem prazo, nada.

Em 10 anos no ar o site ficou algumas vezes fora do ar, é óbvio e até natural. Porém nunca no dia final das inscrições. Isso deu um trabalho incrível hoje pela manhã até o início da tarde.

E eu precisando terminar umas coisas aqui em casa, limpar o carro que estava sujo por dentro e por fora, emporcalhado de tanto trabalho, colocar a última parte da cerca e é claro trabalhar.

Nisso o Schummy teve uma convulsão.muito forte. Nunca tinha acontecido nada com ele. Achei que fosse morrer, porque ele voltou mal, respirando mal. E assim como acontecia com o Elvis voltou cego, sem conseguir se levantar. Passou mais de hora caminhando no pátio debaixo de um sol de 40 graus.

Quando passou a ver melhor coloquei ele pra dentro de casa.

Nesse meio tempo notei novamente que nosso carro é muito pequeno para tantas coisas que precisamos sempre levar pra São Paulo. Quase impossível colocar seis cães nele, mais bagagem e seis pessoas. Fora que deveríamos ficar lá em SP por uns 10 dias.

Deveríamos porque creio que com tudo isso ficaremos em casa.



Tags:

Geral

20 anos - Discotheque

escrito por Fabi Estiga nesta data  30. janeiro 2017 10:24

Quando você pensa em U2 jamais você pensaria nessa música, alias nem os fãs gostam muito dela. POP, o disco de 1997 é pop mesmo. Tem o Bono e tem as guitarras do Edge. Porém foi altamente contestado.

Eu curto, principalmente as guitarras. The Edge é considerado hoje muito influente, entre outras coisas por inovar e buscar sempre novos efeitos para suas guitarras. Não é diferente em Discotheque. No entanto POP foi interessante porque o que veio depois foi muito melhor. 

"All That You Can't Leave Behind" é o álbum posterior, de 2000. E nele temos várias ótimas músicas. Enfim, sempre tem uma ovelha desgarrada, embora essa não esteja tão longe assim, só meio perdida. Abaixo, Discotheque.



Tags: , ,

Música

Candy, Candy, Candy

escrito por Fabi Estiga nesta data  29. janeiro 2017 16:52

Ontem, via Facebook, fiquei sabendo que mais um dos grandes nomes do agility brasileiro nos deixou. Candy, campeã mundial em 2008 com a Kátia. Sempre digo que no final não importa muito o que cada um ganhou ou perdeu. Não dá pra mensurar a dor.

Tempos atrás falava com a Katia, enquanto cuidava da carne do churrasco, que a Candy parecia bastante com o nimoy, a carinha de Shetland, a pintura dos olhos. Meus sentimos, força nessa hora, e vai em paz docinho!



Tags: ,

Agility

Nimoy vai pra pista

escrito por Fabi Estiga nesta data  27. janeiro 2017 13:52

Bom, não é novidade, mas agora é OFICIAL. Piculino vai pra pista em Itu. Cedo? Tarde? Difícil dizer, é um dog que já tem dois anos de idade, teve uma "quebra" de treinamento e voltou nos últimos meses aos trabalhos.

Entenda como quebra uma parada. Acho que ficou uns seis meses sem treinar. E retomar não foi tão complicado pra Vívian.

Miguel escreveu sobre a Shetland da Edilene que fará suas primeiras pistas nesse mesmo final de semana, junto com outros tantos cães. Aqui o texto.

Temos alguns treinos ainda pela frente, o fato é que o dog consegue fazer facilmente com a Vívian, em teoria, uma prova de iniciantes. Se ele vai conseguir fazer são outros 500.

A intensificação dos treinos em obstáculos não necessários no G0, como passarela, gangorra e slalon, são indícios do nível que ele se encontra. A velocidade dele é outro ponto para destacar. Em casa é muito boa, na Amigo Cão vai melhorando conforme o treino.

Se eu disser que não espero nada dele seria mais fácil não gastar dinheiro com inscrições e carteira de trabalho e simplesmente deixá-lo quieto. Vamos apenas esperar e ver, depois comentamos mais.



Tags: , , , ,

Agility

Top 100 - estradeiras - gimme Fuel

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. janeiro 2017 22:28

"Ooooouuuuhhhhh, on I burn..." Essa é daquelas que você escuta pra socar o teto do carro ou o volante. O clipe tem tudo a ver com carro, fumaça, gasolina, estrada. Porra o James Hetfield já teria zerado a vida só escrevendo "Nothing Else Matters". Mas o cara ainda curte carros. Essa abaixo, um Ford 36 é dele.

Provavelmente outras do Metallica pintarão aqui nesse Top100, pelo menos mais uma. Fuel é uma declaração de amor a gasolina que queima nos motores dos carros de James.

"On I burn | Fuel is pumping engines | Burning hard, loose and clean
And then I burn | Churning my direction | Quench my thirst with gasoline"

Sou muito fã dele e do Metallica. Tem coisa melhor que gasolina? Creio que não. Abaixo Fuel! Coloca na tua listinha.



Tags: ,

Música

CBACUP8 - provas intermediárias

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. janeiro 2017 01:29

As etapas de abertura foram no Dog World, em outubro, últimas nacionais de 2016. As etapas intermediárias ou 3ª e 4ª etapas serão realizadas no Clube de Cãompo.

Sobre o Clube de Cãompo vocês já estão cansados de saber que é um local muito bom pra fazer agility. Amplo, que recebe bem, com opções para comer, grama natural...

Essas provas terão julgamentos de Luciano Peccin, da Argentina. Também de Artur Pires e Samy Woblewski.

Certeza de uma coisa, estará muito quente em Itu.

Inscritos e inscrições

Já é possível fazer a inscrição para as provas. Ponto interessante para duplas grau 1, competir no Open 2 e 3. Quanto ao número de inscritos, bom, é difícil dizer por dois motivos. Primeiro porque é fevereiro. Muitos tiram férias. Segundo que a próxima etapa nacional ocorrerá praticamente um mês depois, dias 11 e 12 de março.

No entanto o fato de ser uma prova realizadas nas férias também pode ter um fator inverso.

Bom, estaresmo lá, primeiras pistas do Nimoy, pistas internacionais. Férias de Agility. Vai ser legal.



Tags: , , ,

Agility

Sobre métodos e treinos

escrito por Fabi Estiga nesta data  23. janeiro 2017 22:11

Nesses últimos 14 anos que estou no agility já treinei uma boa quantidade de cães e já vi outros tantos treinarem. E sou bem chegado ao DIY (do it yourself), faça você mesmo.

Assim acabei desenvolvendo alguns métodos baseados em outros métodos de treinamento. O que na música a gente chamaria de influência. Tem a melhor forma de tocar, tem a forma como o cara que fez a música toca e a forma que você consegue tocar. A forma mais simples, nem sempre gera o melhor som. Acredite, o mais fácil nem sempre é o melhor.

A Amigo Cão foi e é essencial nessa minha formação DIY no agility, porque acompanhando o Aurélio esses anos todos consegui desenvolver melhor meu olho. Acima by Virazel: Glee e Lew.

Uma coisa é certa, talvez eu jamais tenha o melhor cachorro, porque acima de tudo tenho formas seguras de ensinar os cães. Segurança não caminha ao lado de desempenho. Porém a segurança me fez formar bons cães, acima de tudo respeitando os limites de cada um, até onde consegui controlar minha ânsia de ver tudo pronto. Normalmente quem faz por conta própria tende a querer ver tudo pronto o mais rápido possível.

Assim, aliando o meu DIY, com meu olho meio treinado, meus métodos que cortam algum caminho, me tornei um bom treinador para casa. Porque acredito que eles possam funcionar para muitos, porém muitos não conseguiriam fazer o que eu faço. Por N questões.

Digo tudo isso pra falar que nem sempre a fórmula, o método, a solução mágica é boa para todos. O melhor é confiar no seu treinador, que está lá aguentando todos os dias, do que tentar achar um atalho num método alheio.

Agora se você quer, eu penso que é melhor conversar antes. Acertar tudo.

Abaixo Nimoy e Vívian. Hoje. Parte do treino.



Tags:

Nimoy | Treinamento

20 anos - Hole in My Soul

escrito por Fabi Estiga nesta data  23. janeiro 2017 00:57

Aerosmith é uma baita banda, que tem grandes sucessos. O som nunca foi grande novidade, nunca foi revolucionários, mas sempre fez sucesso. A década de 70 foi muito boa pra banda, no entanto a de 80 foi péssima. O retorno ocorreu em 90,

Em parte pelo cover do Run DMC, de 86, em 87 lançaram um álbum que trouxe a banda de volta. Porém em 93 o Get a Grip colocou a banda não apenas no ponto onde estava. Elevou a um nível que jamais havia estado. Ótima músicas, muitos clipes na MTV, trilha para filme... Nine Lives de 97 vem na esteira do Get a Grip e tem Hole in My Soul.

20 anos desse álbum e dessa música!



Tags: , ,

Música

Até o próximo domingo - 10 dias

escrito por Fabi Estiga nesta data  23. janeiro 2017 00:22

Estrada é algo normal pra este que vos bloga, porque trabalho na estrada. Então nada de muito diferente. Porém dentro de 10 dias estaremos fazendo uma daquelas trips pra guardar, TOMARA, na memória.

A programação não oficial terá uns dias no Camping Paineiras, São Paulo, prova da Copa CBA... entre outros eventos. Vai ser legal, porém a logística tem que ser meio que perfeita, e já estamos aprontando as coisas há mais de mês.

Ontem

Dia de treino na Amigo Cão, foi bom. Glee treinou muito pouco nos últimos três meses, acho que esse foi o terceiro. Pouco, mas foi o que deu pra fazer e não foi ruim. Ela estava bem louca, mas não fora de controle. Abaixo um vídeo dela, ontem. By Vívian Razel:

Treino de hoje. Glee. #acdmix #bordercolliemix #agility #treinamento #dogagility

Um vídeo publicado por fabiano estigarribia (@fabiestiga) em

Continuamos a fabricação da cerca, anti raptores. Anti Lew. No entanto ela está empenhada em desvendar os segredos da montagem. Essa é a segunda barreira que estamos fazendo. No final mostro tudo. Falta apenas um pedaço pequeno agora, que será instalado no final. Enfim, uma boa semana!



Tags:

Até o próximo domingo

Top 100 - estradeiras - Paradise City

escrito por Fabi Estiga nesta data  20. janeiro 2017 11:19

Lembro que comecei a escutar o Guns a partir do segundo disco deles. O "Lies" que tem Patience. Fui, e sou, um fã da banda, que da linhagem HARD ROCK do Led Zeppelin, talvez seja a última.

Pois bem, quem começou a escutar Guns pelo Lies acha que é uma banda leve, "Patience" e "Used to love her" tem violões e um ritmo mais tranquilão. No entanto o lado A é pauleira ao vivo. Ai fui atrás do primeiro disco, o "Appetite for Destruction". Que é um chute no... deixa pra lá.

Um disco que tem "Welcome to the Jungle" e "Sweet child o' mine", ainda tem "Paradise City"!!! E ela é a melhor com sua batida de início "tum pá... tum pá", que durante mais de um minuto é a base para o refrão que vem logo de cara e o riff da guitarra do Slash. E o final é uma bateção de cabeça geral.



Tags: , ,

Música

É inevitável - Dana

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. janeiro 2017 10:57

2017 começou mal, primeiro Billy Jr, depois Brisa (doga da Van) e agora Dana, uma Border Midi histórica. Eu nunca vou esquecer dessa história que vou contar abaixo.

Minha primeira prova, no Rio de Janeiro. Samy prestes a completar seus 18 anos entra em pista com a Dana. Na saída uma discussão entre ele e Dan. Pai e filho. Normal, essas relações são conturbadas normalmente, dentro do esporte então. Dan sabia do potencial da dupla e é claro que Samy, naquela idade... Enfim, no outro dia estava tudo bem. Naquele dia Dan falando comigo fez uma comparação, que não lembro agora, com um jogador de futebol. Desses que brigam e depois fazem uma grande jogada.

Naquele tempo um Border Midi era um problema 10 vezes maior do que é hoje. Porque naquele tempo nossa condução era bem inferior ao que é hoje.

E haviam outros borders nessa condição no Brasil. No entanto apenas Samy conseguia conduzir a Dana. E era uma condução totalmente diferente do que era feito com cães de qualquer tamanho. Não havia comparação. Não dava pra conduzir como um Border Standard, já que ela saltava no Midi e isso muda muito o "ataque" do cão nos saltos. Menos ainda como um Shetland, porque a potência era muito maior que a de um Midi ou Mini normal.

Esse sempre foi o problema dos Borders Midi. Feito para o Standard.

Se a pista era aberta não tinha como apostar corrida, se era fechada tinha que levar no joystick, como se estivesse jogando videogame. Samy era sensacional conduzindo a Dana.

Mundial 2007

O Aurélio foi para esse Mundial, o primeiro dele. A gente ficava no Dan quando ia pra São Paulo. Foi o primeiro mundial que fiz cobertura pro site. Então me lembro muito bem. Deu tudo errado e deu tudo certo. O Brasil de Dana, Tyller e Cacau chegou em 3º lugar entre as equipes Midi.

Aquele mundial marcou uma grande mudança na seleção. De 2006 para 2007 houveram muitas trocas. Aquela medalha foi apenas a segunda do Brasil (hoje são 6). Depois de cinco anos do primeiro título. A partir dali começaram a ventilar mais as categorias. Antes o que importava era apenas o Standard.

É triste pensar que esse dog não está mais entre nós, mas é inevitável.



Tags: ,

Agility

Ah uma Kombi |o\_|_/o| filosofia volkswagen

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. janeiro 2017 01:04

Hoje, final da tarde, passei boas duas horas com o 79 e com a Brasablue. Fuçando no jardim, nas cercas e tals. Esses carros são fantásticos. Kombis são assim também.

Desenvolvi, com grande ajuda dos meus amigos que todo santo dia me lembram dos volkswagens, uma vontande imensa de ter uma Kombi. Pra viajar. Kombi tem muito a cara de estrada, embora não tenha nada a ver com ela.

Um casal vai até o Alasca, partindo aqui do RS de Kombi. Uma aircooled 1994. Corajosos. Um cara que eu sigo, coisa de dois anos atrás, foi de São Paulo até o o Uruguai com uma da década de 70, Flávio Gomes. Ano passado com o projeto ReKombinando, três meninas, e mais uma criança foram até o Chile, partindo aqui do RS, também. Porém elas tiveram um carro de apoio.

Vale ler a matéria, aqui.

Tá certo que mal começaram, mas a coragem já é inspiradora.



Tags:

Ah uma Kombi

Tem horas que cansa

escrito por Fabi Estiga nesta data  17. janeiro 2017 09:51

Os deuses do agility até me colocaram frente a frente com aulas de agility, Eu como instrutor. Porém eles mesmos viram que meu nível de cobrança não se limitava ao óbvio e não tentaram me colocar novamente nessas situações.

Até tentei ser menos taxativo, porém a minha auto cobrança nunca me permitiu ser flexível.

Meu desempenho dentro de pista nunca foi grandes coisas. Incompatível com o tanto de comprometimento que tenho com o esporte. Entendo que os processos sempre foram mais valiosos do que os resultados.

Meus métodos e a eficácia deles junto a outros condutores pode ser nula, talvez nunca saibamos, se nem em casa eu sou unamidade, imagina fora das porteiras da 48?

Enfim, tem horas que tamanho descrédito cansa.



Tags:

Agility | Lamentável

20 anos - Song 2

escrito por Fabi Estiga nesta data  16. janeiro 2017 23:35

Blur, talvez o único GRANDE sucesso da banda aqui no Brasil. Eu não me lembro de outro que tenha tocado tanto. A música é curtinha, pouco mais de 2 minutos. Pequena num mundo que já exigia que quase todas tivessem no máximo 3.

No entanto a banda não nasceu em 97, é do final da década de 80, embora esse sucesso seja de 97. Me lembro que escutar não era fácil. O começo tem apenas a bateria e uma guitarrinha bem meia boca. E é depois do primeiro "IUHÚ" que você precisa baixar o volume. Porque é tudo muito alto.

Song 2 faz parte da trilha do jogo Fifa 98.



Tags: ,

Música

Acerca de Brasília 2

escrito por Fabi Estiga nesta data  16. janeiro 2017 22:40

E nessas de trabalhar com madeira continuo minhas "artes". Depois de fazer o portão para estancar a Lew dentro do pátio resolvi continuar. Fiz outro portão e continuarei com as cercas até trocar todas as grades por madeira.

Tá com cara de canteiro de obras, mas vai ficar bão quando a brita sair daí e a grama voltar. Essa cerca nova é a segunda barreira de conteção para a velociraptor, que já começou a cavar a fuga do primeiro portão. Esse também terá uma função extra nos dias de viagem para carregar o carro.



Tags: , , , , ,

Geral

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"