Passarela do Nimoy

escrito por Fabi Estiga nesta data  1. julho 2017 20:08

(Chega de contar dólares, nós vamos contar estrelas/ Gravataí 13º) - Nimoy tem feito passarelas há algum tempo. Pra ensinar usamos o método mais que manjado de ensinar do final pra frente.

"Ah, tinha que ensinar um running", é até tinha, mas acho que um bom 2on2off ainda é bem vindo. Ainda mais pra um dog como o Nimoy, que é pra ser bem recreativo.

Gostei que ele está mega relax, tinha um monte de gente diferente, cachorro perto da pistas e ele simplesmente deu de ombros.

Passarela do Nimoy. #dogagility #agility #pastordeshetland #shetlandsheepdog #sheltie

Uma publicação compartilhada por fabiano estigarribia (@fabiestiga) em



Tags:

Agility | Treinamento | Videos

O último dia do ano do Agility

escrito por Fabi Estiga nesta data  30. junho 2017 15:46

(Prefiro a minha cama, botar o meu pijama / Gravataí 20º) Hoje é o último dia do ano do nosso agility. Eu sempre achei e continuo achando que nosso ano seria melhor se ele fosse de janeiro até dezembro, não de julho até junho. Por vários motivos.

Também acho que se a gente comemorasse o natal agora, no frio, seria mais legal. Pelo menos nenhum Papai Noel ficaria desidratado.

Mas o caso é que nossa temporada termina hoje! E amanhã começa outra, e ai veremos o que deste ano, 2017/2018, nós faremos. Assim como a virada do último dia de dezembro para primeiro de janeiro, só muda se as pessoas mudarem. Do contrário continua tudo igual.



Tags:

Agility

240

escrito por Fabi Estiga nesta data  28. junho 2017 19:24

(Eu hoje mesmo quase não lembro/Coxilha 16º) Ainda sobre o evento de Fuscas e Derivados do final de semana. Não foram 180 carros como citei nesse vídeo, foram 240!!! Abaixo a foto do evento.

Nem parecem tantos carros. Mas me dei ao trabalho de contar os que aparecem na foto, porque alguns não aparecem, e creio que tenha até mais. No mesmo domingo ocorreu um evento em Campinas com um número talvez até maior de Volkswagens.

É outro mundo.



Tags:

Ah meu Fusca

Ah meu Fusca - o básico também chama atenção

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. junho 2017 14:49

Falando ainda sobre Fuscas, ontem no encontro, fiquei bastante tempo perto do nosso, não ao lado, nem dentro e noite uma coisa. Muitas pessoas se interessam por ele.

É um modelo básico, não tem nada de diferente do que saiu da fábrica da Volks em 1978/1979. Apenas o retrovisor direito e o rádio com CD destoam em termos de originalidade. E é assim que penso esse Fusca, nada diferente.

E com tantos carros tão legais e modificados é muito difícil competir. Não tem como. Kombis, Fuscas, Brasílias, Variants impecáveis. Com rodas, bagageiros, luzes... E o nosso Fusca é assim, branco e básico.

Mas olhando de longe, as vezes passava alguém, parava, ficava olhando e se aproximava. Colocando a cabeça mais perto do vidro e tals. Provavelmente tentando recordar alguma lembrança antiga que teve com um Fusca parecido. Isso é legal.

Um carro customizado, e eu estou fazendo um, a Brasablue, é lindo. E é um enorme exercício de pensar algo diferente do que a Volks e seus engenheiros pensaram. Porém só eu terei lembranças com ela.



Tags: , ,

Ah meu Fusca

30 anos - Billy Idol

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. junho 2017 11:46

O Supla americano. 30 anos dessa balada no violão. Sem mais.



Tags: ,

Música

15 reais de inscrição com camisa, caneca e certificado

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. junho 2017 11:13

(quem não tem colírio usa óculos escuros/Gravataí 20º) A gente perde a noção do valor das coisas. Celular custando preço de carro usado. Carro custando preço de imóvel, imovel custando o que muitos não ganham durante uma vida. Mas tem coisas bem possíveis, fruto de trabalho, é claro. 15 reais a inscrição para o evento de Fuscas ontem em Guaíba, veja como no vídeo abaixo:



Tags: ,

Geral

Até o próximo domingo - Duas paixões, Fuscas e Futebol

escrito por Fabi Estiga nesta data  25. junho 2017 22:27

(eu saio poraí, sem ter aonde ir/Gravataí 19º) O dia hoje começou muito cedo. 5:30 a Diocrécia já estava acordada funcionando. 6:00h já estávamos na estrada rumo a Canoas, depois rumo a Guaíba. Na primeira parada aglomeração dos carros para o comboio. Só Volkswagens Aircooled.

Estávamos com o IVC (Independente Volks Clube) de Canoas. Acho que uns 10 carros. E creiam, as 7 horas da manhã a gente andou bem pra caramba. Nunca tinha viajado com tantos carros assim, de Volks apenas sozinho. Super de boas.

A melhor vista de Porto Alegre é em Guaíba. A cidade que fica do outro lado do "Rio" tem uma orla muito bem cuidada. E foi nesse local que os Fuscas e Derivados ficaram.

Bom, nós fomos efetivados hoje como membros do Grupo. Tem um ritual de passagem, que é a colocação do adesivo no vidro do carro. Deu um trabalho, mas ficou legal. Eu acho que adesivo em carro é algo desnecessário. Porém olhando agora as fotos. Pensei "era o que faltava pro 79".

Saímos cedo porque a volta era longa. E o Théo jogaria a tarde o segundo jogo pelo Santos Futebol Clube de Gravataí. Da primeira vez o time jogou muito mal e perdeu. Hoje eles jogaram bem demais. Foi 4x0 o jogo e os treinos mostram resultados. Théo é zagueiro.

Lá não consegui tirar muitas fotos. Com o celular é impossível. Roubei a foto oficial do time de hoje, da página do Santos. Théo está ai, Procurem. E esse foi o domingo de duas paixões nacionais.

Uma boa semana para todos.



Tags:

Até o próximo domingo

Rock Gaucho - em Porto Alegre ele vai morar

escrito por Fabi Estiga nesta data  24. junho 2017 19:47

(nossa vida vai melhorar, alelúia/ Gravataí 19º) - Wander Wildner é um grande nome do Rock Gaúcho. Essa música eu tocava quando era guri. É um clássico!



Tags:

Música | Rock Gaúcho

Aposição ou oposição?

escrito por Fabi Estiga nesta data  23. junho 2017 19:51

(Eu quero é ver o OCO!!!! - Gravataí 17º) - palavra de 9 entre 10 donos de escola. Vou deixar um de fora mesmo sem nunca ter escutado o contrário: "agility não dá dinheiro".

Partindo dessa premissa não vejo outra solução para o agility, apenas a criação de grupos de condutores para treinar e trocar experiências será válida e essencial. Tudo isso partindo do princípio que nenhum empresário vai inverstir dinheiro para perder, ou no melhor dos cenários trocar, dinheiro.

Explicado isso posso falar o motivo desse post. Se você leu até aqui obrigado!

Eu faço parte do agility brasileiro oficial, estou cadastrado com carteira de trabalho, pagando meus "impostos" e participando desde 2006, ajudando na secretaria desde 2003. Eu acho que se você já vai nas provas já está ajudando. A diferença é que talvez eu tenha uma propensão a sempre pensar mais no agility. E me posicionar publicamente, algo que pouca gente faz.

Não apenas em relação ao agility em geral, em relação aos meus cães, minhas viagens, tudo. Também não sou do tipo que prega "se cada um fizer um pouco a coisa anda". Penso que não atrapalhando já está bom. Já diz o ditado "muito chefe pra pouco índio".

Essa minha posição dentro do agility é bem complicada. Eu confesso, não é fácil pra mim, imagine pra quem por vezes me lê e não entende os motivos. Não quero compreensão. Quero que pelo menos sejam justos. Não estou delirando, não consigo me colocar na posição de uma mulher que sofre assédio. Não sou mulher. Sendo homem sofro muito menos, não sofro.

Então é fácil me julgar quando digo que algo fará mal para alguém, como eu, que precisa das condições certas para praticar o agility, se quem julga não faz parte dessa condição.



Tags:

Agility

20 anos - carona depois de uns tragos

escrito por Fabi Estiga nesta data  23. junho 2017 09:21

Eu tenho um lugar especial no meu coração para o Green Day. Eu e o Nakinha! Filho do Nakamura. A gente curte e agora o Daniel também curte. Se você gosta de música, de Rock, a banda terá um lugar especial no seu coraçãozinho.

Porque ela é verdadeira.



Tags: , ,

Música

Dia Mundial do Fusca 2017

escrito por Fabi Estiga nesta data  22. junho 2017 11:55

(aquela nuvem que passa, lá em cima sou eu/ Gravataí 20º) - Isso ai é numa prova de Agility em 2003. Quase 15 anos!!! E eu ainda estou aqui, batendo e apanhando.



Tags:

Agility | Ah meu Fusca

Top 100 - estradeiras - Listras Brancas

escrito por Fabi Estiga nesta data  21. junho 2017 21:14

(Eu vou lutar contra eles/Gravataí 13º) - Essa dica eu peguei do Nakão e do Nakinha, agora no Face. O primeiro sucesso do White Stripes é uma baita sacada. Um bumbo de batera, uma guitarra e voz. Basicamente não é apenas isso, mas parece ser isso. Bem simples. Tão simples que qualquer um poderia fazer, só que não.

Vi uma vez o Jack White falar que o visual preto, branco e vermelho era realmente pra copiar a Coca-Cola. Nenhuma combinação poderia ser mais poderiosa que essa. Não é a toa que muitas vezes o inferno é retratado com essas cores. Alguma ligação? Acho que não. Enfim. Boa música pra escutar na estrada e bater cabeça.



Tags: ,

Música

O perfil é diferente - São Paulo X Estrangeiros

escrito por Fabi Estiga nesta data  21. junho 2017 09:58

(pra quem gosta de nós, é um prato cheio/Gravataí 13º) - se você for pensar no perfil de quem faz agility em São Paulo, com tantas provas nacionais e regionais disponíveis (20) verá que ele é bem diferente dos que viajam para competir os mesmos nacionais e alguns regionais.

Não vamos colocar toda a galera no mesmo barco. Mas eu tenho a impressão de que se, vejam bem "SE", o nacional fosse realizado em vários estados, mesmo que a maioria das provas fosse em SP, os resultados seriam bem diferentes, por exemplo em termos de ranking.

Isso não é novidade, já escrevi isso aqui neste blog pelo menos duas vezes.

Porque se estabeleceu esse sistema. A última prova nacional fora do estado de São Paulo foi em 2006. São quase 11 anos. Naquela oportunidade, eu estava lá. Junto com os brothers de longa data Tiago e Aurélio. Foram 22 horas de viagem de São Leopoldo até o Rio de Janeiro, mas chegamos lá e fomos para a praia, o filho da Annie nos levou para um tour pela cidade maravilhosa.

E jogamos volei, com o pessoal do agility.

Eu digo e repito, estrada não é para qualquer um. Você tem que estar disposto a enfrentar, e ela é sua inimiga e amiga. Tem uma música "Counting Stars", que diz assim "everything that kills me makes me feel alive". Fica a dica "mantenha seus amigos perto, mas seus inimigos mais perto ainda".

Muitas citações em um mesmo parágrafo.

Será que viajo nessa temporada? Sim, com certeza. Como "estrangeiro" só me resta viajar. Me manter vivo. Será que o pessoal de São Paulo vai viajar nessa temporada? Ai não sei.



Tags:

Agility

Calendário 2017/2018

escrito por Fabi Estiga nesta data  20. junho 2017 13:15

(o pulso ainda pulsa/Gravataí) - quem precisa programar as viagens ai estão as primeiras datas de Campeonatos Nacionais e Estaduais para a próxima temporada.

Teremos um longo Nacional com 10 etapas, dois descartes a princípio, e neste momento o Paulista e a volta do Paranaense. Também teremos a Copa Cães e Cia em setembro.

Faltam é claro as datas de Pernambuco e Paraíba, dois já conhecidos campeonatos.

http://www.agilitybr.com.br/detalnot_agt.asp?prod_id=2440



Tags:

Agility

Fim das isenções para estrangeiros e aumento

escrito por Fabi Estiga nesta data  19. junho 2017 11:10

Meu pensamento é dúbio. Os valores são e estão defasados, mas também acho que os praticantes não estão dispostos a pagar mais. Mas esse meu pensamento um olho no gato e outro no peixe pode estar errado.

Ou você cuida do peixe ou você cuida do gato.

O final do subsídio, do desconto, para os participantes de outros estados será um duro golpe para os que viajam. No meu caso não é tipo: "eu não posso pagar mais". É algo como: "eu não devo pagar mais". É simples assim. Não é querer ou poder, é saúde monetária.

Para finalizar não vou criticar mais nada. Nem o aumento de 20% nas inscrições. Eu vou agora simplesmente esperar pra ver o que será feito para incentivar o crescimento do esporte. A gente tende sempre a descer a lenha quando a gente não gosta, não vê o outro lado. Vamos ver o que será feito para polarizar o agility, e fazer ele crescer. Tenho certeza que boas notícias virão e poderemos pesar prós e contras.

Vamos aguardar. Até porque isso é uma ata de reunião e até que os regulamentos sejam publicados pode mudar algum ponto. Ou não.



Tags:

Agility

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"