Pra finalizar o A&C e partir pra próxima

escrito por Fabi Estiga nesta data  12. abril 2010 16:35

O mais "belo" das competições internacionais, de agility ou qualquer outro esporte quando a disputa é Brasil contra outros países, é a mobilização. Pessoas que pouco se importam com o esporte são atingidas por um profundo sentimento de amor pela pátria. Alguns apenas querem aparecer. Não gosto de patriotadas fora de contexto e nem dentro do. Gaita de boca em rock paulera.

Enfim...

Conversando hoje com o Samy, um longo e rentável papo eme-ésse-ênico, achamos a mesma coisa: Colômbia está ai. Nos times já é a segunda derrota imposta por eles e individualmente faltam ser regularmente rápidos. Óbvio que todos tem como evoluir, mas se o Brasil parar em um ano, talvez mais ou menos, eles chegarão. Vi uma Argentina mais forte também e um Chile que evolui.

Resta ao Brasil treinar e colocar em pista ano que vem um time capaz de retribuir a derrota imposta em São Paulo 2009 aos amigos da Colômbia na casa deles.

Chega, não falo mais de A&C. 



Tags:

Especificações mínimas 2

escrito por Fabi Estiga nesta data  12. abril 2010 11:47

Vou colocar o Ernesto nas especificações minimas de uma prova de Agility.

Nada contra ninguém que estava fazendo a secretaria no Chile, mas a experiência que ele tem nas frente do PC na hora H faz muita diferença. Coloquei agora pouco no Fórum da CBA que as próximas secretarias de A&C´s poderiam convida-lo pra fazer parte.

Já fiz secretaria de provas e sei da responsabilidade que é gerar um resultado que todos querem ver. A rapidez é essencial nos dias de hoje em que tudo se não fora pra hoje tem que ser pra ontem.

Sempre que eu entrava no MSN ou no Chat do UStream todos me perguntavam: "os resultados, os resultados?". Inclusive pessoas de outros países faziam isso. Graças ao Ernesto eles estavam lá e estão hoje.

Brigado Ernesto! 



Tags:

Brasil sai fortalecido do A&C2010

escrito por Fabi Estiga nesta data  12. abril 2010 10:50

Com 30 duplas em 2008 (mais ou menos) o Brasil só no individual do A&C conquistou nove medalhas. Ano passado nem se falta com cento e tantas acho que só uma ou duas vagas das quinze do individual foram preenchidas por duplas de fora.

Esse ano eram 31 ou 32 que viraram 9 e depois 10.

Quando vi os primeiros resultados achei que a Argentina terminaria melhor a competição, com mais medalhas. No entanto dois fatos mudaram essa perspectiva. O primeiro foi a premiação até o 3º e o segundo o alto desempenho do Brasil no individual. Ouro Midi e Standard. Sendo que entre os grandes as três primeiras colocações.

O que mais dói quando vejo os resultados foi ter perdido outra vez pra Colômbia no time Standard. Segunda vez. Porém essa doeu menos porque não estava lá pra ver, segundo não foi no Brasil e terceiro já estou mais acostumado.



Tags:

Especificações mínimas

escrito por Fabi Estiga nesta data  12. abril 2010 08:24

Quando se está longe do local das provas é extremamente complicado acompanhar as provas. O Live Stream que tivemos diretodo Chile, apesar de deixar no vácuo uma centena de pessoas foi uma mão da roda, grande ajuda, pra ligar os pontos e tentar trabalhar. Embora meus parcos anos de experiência nessas transmissões de longa distância me digam que só da pra dizer algo quando o algo está no resultado final e oficial.

Ontem durante alguns minutos o time brasileiro Standard foi campeão do A&C, pro delírio da torcida verde amarela. Alguns minutos mais tarde o resultado final era outro pra delírio dos Colômbianos, que pela segunda vez conquistaram o título deixando o BR na segunda colocação.

A idéia de se, em acordo com todos os países, elaborar especificações mínimas como: resultados on-line, transmissão por vídeo e wireless (conexão banda larga) no local das provas é pra mim a mais correta. Se nas dimensões da pista, o piso, obstáculos e árbitros já existe um consenso deveríamos agora entrar nessa área da informação.

No mundial do ano passado também tivemos sérios problemas, no sábado, para falar sobre resultados. Tanto que fiz tabelas no exel pra somar tempo e tentar saber como as duplas estavam. Óbvio que cada pessoa a mais trabalhando é custo, no entanto é preciso pensar nisso sempre.



Tags:

E a resposta para a pergunta é: um novo campeão

escrito por Fabi Estiga nesta data  12. abril 2010 07:23

Levantei a questão no Hotsite do Américas e Caribe: teríamos um novo campeão Standard, um bi ou um tri? Com Dina que tem dois títulos e Mancha que tem um, são as últimas três campeãs, podemos nos dar ao luxo de questionar. Só o Brasil tem essa condição. Temos uma nova dupla campeã. Essa é a resposta. O título está em boas mãos.

Quarto título brasileiro seguido e de uma fêmea

Dina 2007, Dina 2008, Mancha 2009 e  Lóli 2010. Em quatro anos quatro títulos de fêmeas. Com toda a preferência por machos e na tão procurada explosão física, as fêmeas, pelo menos as made in brazil e nos A&Cs tem mandado.

Viria a explosão física junto com a mental?

Além do título individual do Samir com a Lóli, José Luiz completou o pódio com seus dois cães standards. Em segundo Dino e em terceiro Magic. Como bem lembrou ontem Renan pelo MSN o time Standard foi campeão individual. No midi Cacau foi campeã individual, título inédito. Desde 2006 em Américas e Caribe os títulos ou eram por equipes ou como em 2007 campeã do Open no México. É sem dúvidas a dupla com mais títulos dentro da competição.

Falo mais durante o dia sobre o Américas e Caribe, tem muita coisa pra falar. Indicoo HotSite do Brasil que tem os resultados completos:

http://www.agilitybr.com.br/a&C2010/ 



Tags:

Brasil vai bem no Américas e Caribe

escrito por Fabi Estiga nesta data  10. abril 2010 23:24

Se analisarmos bem os resultados vamos ver várias pequenos detalhes, mas temos que entrar nas tabelas, catar um pouco do que se fala diretamente do Chile, misturar com aquilo que sabemos de cada dupla, colocar no forno, mesclando umas camadas de queijo mussarela, com queijo catupity, esperar uma hora e ler as entrelinhas.

Com uma equipe reduzida, mas muito bem formada o Brasil conquistou até agora, usando o sistema adotado no Brasil ano passado de premiar do 1º ao 5º, um total de seis medalhas. Apenas uma de ouro é verdade com Samir no Individual Standard. A prova era do Tiago com Happy que fez as duas melhores passagens, porém no Agility com uma falta na gangorra. Um pecado. Divido 50/50 a culpa.

Tiago e Happy são uma realidade já. Pra mim é questão de tempo até figurarem entre os Tops sempre.

Sendo frio, porque estou longe, vejo que você perde uma prova, não ganha ela. Foi o caso do ano passado com Zé/Dino e a falta na Rampa no A&C, e foi o caso de hoje. Samir foi o 1º colocado. Vence quem chega ao final com menor tempo e menor número de faltas.

Truta é nóis cara! Torci por ti pra caramba, é possível que você não leia. Vai pras cabeças amanhã e faz um Best Lap no Agility.

Agora, é muito justo o título para o Samir com a Lóli. Ambos vem num momento único e são favoritos amanhã para a conquista do Américas e Caribe individual e quem sabe até por equipes.

Como falei a equipe é pequena e forte. Ninguém foi lá pra fazer número, todos foram pensando no melhor.

No quadro geral o Chile tem mais medalhas, a Argentina tem mais ouros ou primeiros lugares. São 11 do país sede contra 9 dos Ermanos. Brasil, com já disse tem seis e a Colômbia (pedra num dos sapatos do Brasil já que no outro tem a Argentina) duas.

Amanhã as decisões do A&C.



Tags:

Fácil falar, fazer previsões, depois que aconteceu

escrito por Fabi Estiga nesta data  10. abril 2010 16:03

Com a coragem que a distância dá vou falar uma coisa aqui e agora, mas no mais puro nível de exercício de coisa alguma. Agility é na hora, não é xadrez.

Primeiro gostaria de dizer que a Luciana fez uma baita prova no Open times. Uma pena que seu time foi aparentemente prejudicado pela desclassificação de Dina. O incidente não foi bem explicado. Parece que um ajudante demorou pra levantar uma barra derrubada e isso causou a desclassificação. Informações desencontradas que vamos catando de um e de outro. Se houvesse um combinado individual, nessa prova ela seria a 2ª colocada. Seria não, ela foi. Com o Enzo.

Se ela estivesse no time principal o Brasil Standard teria ficado em 2º lugar ao invés de terceiro. Caso Zézinho com Dino não estivesse nesse. Agora eu perguntou: como tirar Zé e Dino do time? A dupla é campeã mundial. Difícil.

Parabéns pra Lu. 



Tags:

Conversando no bar

escrito por Fabi Estiga nesta data  8. abril 2010 14:38

Embalado pela música do Milton Nascimento e Fernando Branti, que dá nome ao post imortalizada pela potente voz de Elis Regina, escrevo agora sobre assuntos diversos.

E o Américas e Caribe começou finalmente. O pouco que vi hoje pela transmissão on-line me mostrou que o Brasil não pode deixar de ser favorito. Não vi muito, tá certo. Só parte da Argentina e três condutores brasileiro. Não vi Colômbia, grande parte da Argentina, nem Chile. Mas sei que alguns dos nossos, que são dos seus condutores, cães melhoraram muito. Lóli ano passado não competiu, por exemplo. O Tiago com Happy de hoje não é o de antigamente. Isso tudo sem falar nos outros sete condutores.

Brasil é favorito sim, se vai ser campeão é outra coisa.

Enquanto isso aqui, em Sampa, Val decide arrumar as malas e embarcar para o Chile pra disputar o A&C2010. Brasil chega assim as 10 duplas. Pelo menos é um número redondo, mesmo gostando do nove prefiro 10. Quarta vez seguida que Val estará na maior competição entre países da América Latina. Se contarmos em competição por países seja a maior das Américas em número de.



Tags:

Enquanto isso no Chile

escrito por Fabi Estiga nesta data  6. abril 2010 09:32

Dan tem mandado notícias diárias lá do Chile. Ontem foi dia da coletiva com a imprensa. Parece que o pessoal por lá levou a sério e até a prefeita da cidade de Viña del Mar esteve presente. Bom, melhor que todos leiam a matéria que está no site do Dog World.

http://www.bordercollie.com.br/detalnot_agt.asp?prod_id=575 



Tags:

Ligações encerradas - e o mais apostado é...

escrito por Fabi Estiga nesta data  3. abril 2010 01:43

Foram quase. incríveis 10 votos, isso é que chamo de audiência, e o mais apostado foi Tiago com Happy. Em 2007 eu tinha certeza que Rodrigo com Panda iria vencer e vimos uma vitória de Dan com Dina. Na Argentina novamente Dan e Dina. Ano passado ninguém apostava no Henrique com a Mancha, recém chegados no grau 3. Então qualquer uma dessas cinco votadas mais as duas que não foram podem vencer.

Resultado final: 

3 Tiago/Happy
2 Samir/Lóli
2 Luciana/Enzo
1 Zé/Magic
1 Henrique/Mancha

Não serve como parâmetro pra nada já que em dois dias 10 votos representam menos de 2% do número de visitas. Baixo. Próxima quinta começa a bagaça.

UpDaTe: Samir teve três votos também como bem lembrou o Miguel. Então se iguala a Tiago Truta e Feliz e chegamos aos incríveis 10 votos!



Tags:

Continuem apostando

escrito por Fabi Estiga nesta data  1. abril 2010 11:35

Deve ser a páscoa, porque estão todos meio introspectivos pela blogolândia, ou não. Agora introspectivo ou não aposte em quem você acha que vai ganhar o A&C2010, supondo é claro que será um Brasileiro no Standard, já que no mini e midi temos apenas uma dupla em cada categoria.

O link segue abaixo:
http://www.agility.esp.br/Fabi/post/2010/03/Escolha-apenas-um2c-nao-fique-no-muro.aspx

Sem muro!

A contagem até agora está assim:

3 Tiago/Happy
1 Samir/Lóli
1 Zé/Magic
1 Luciana/Enzo

Continuem votando. Não é pra quem você vai torcer, porque vamos fazer isso por todos eles, mas sim em quem você colocaria sua grana caso tivesse que apostar.

Pelo menos pra desempatar o segundo lugar. 



Tags:

Escolha apenas um, não fique no muro

escrito por Fabi Estiga nesta data  31. março 2010 14:51

O A&C tá ai e nossa equipe logo vai pro Chile.

Temos uma dupla Mini e outra Midi, logo acho que vale a torcida por ambas. Vivy e Meg vem fazendo um campeonato honesto pra caramba no grau 3, topando a difícil tarefa que é competir lá no "quebra ossos". O mesmo se aplica ao Aurélio com a Cacau, que é uma das duplas mais premiadas dos Américas e Caribe com títulos nos últimos quatro anos, pódio em mundial e inúmeras colocações em competições de nível nacional. Falta o individual do A&C Midi. No Open ele já foi campeão.

Agora e no Standard?

Aprendi ano passado com o Artur, cara que tem uma visão diferenciada do agility, que nem sempre quem ganha é o favorito. Logo nossas duplas podem também, como favoritas que são, perder. Ou dentre os nossos cães um menos provável leva o título. São sete duplas, por ordem alfabética:

- Dan/Dina - estão vindo de fases de pouco aproveitamento juntos em provas. Dan machucado no ombro, Dina esteve com a almofada da pata machucada, ficou um tempo sem treino e embora seja difícil basta dizer que são bi-campeões do A&C. Títulos recentes 2007/2008.

- Henrique/Mancha - defenderão o título no A&C2010. É sempre um peso entrar em pista assim, ao mesmo tempo condutor e cão estão mais rodados.

- Luciana/Enzo - a dupla vem crescendo dentro das competições nacionais. Américas e Caribe é o terceiro seguido. Embora não tenham títulos conquistados na competição internacional em campeonatos nacionais, como a III Copa CBA onde venceram um super combinado, costumam ter bons desempenhos.

- José Luiz/Dino - dupla campeã mundial. Precisa dizer mais? Zezinho tem alguns títulos em Américas e Caribe também.

- José Luiz/Magic - difícil dizer o que pode ocorrer. Falando dos antigamentes eu vi essa dupla mudar do grau 1 para o grau 3 em 8 pistas. Oito Excelentes Zerados. No grau 2 foram quatro Best Laps.

- Samir/Lóli - condutor bi-campeão mundial e sua companheira é um dos grandes cães standards atuais. Se acertarem as pistas são sérios concorrentes.

- Tiago/Happy - suspeitíssimo pra falar, já que vi esse cachorro nascer pro Agility e sou amigo do cara, devo dizer que a cada prova estão melhores. Difícil mesmo dizer. Desejo pra ele, como pra todos inclusive, um ótimo A&C. Ano passado foram bem nos Jumpings.

Escolha uma pra torcer e faça sua aposta nos comments. Em qual Standard você aposta?



Tags:

No A&C2010 serão 11

escrito por Fabi Estiga nesta data  30. março 2010 23:06

Ontem apenas fiquei sabendo, por um e-mail do Tiago, quantas duplas Brasileiras estariam em pista no Chile, semana que vem já! No balanço final apenas 11 estarão representando o Brasil. Pouco mais que em um mundial. Tá certo o terremoto, algo meio impensável pra nós que no máximo sofremos com a chuva, talvez tenha sido o grande problema. Medo é medo.

Das mais de 30 do início teremos menos de uma dúzia.

Informações que precisam ser confirmadas também dão conta que no total serão entre 60 e 70 duplas em pista. O Brasil vai bem representado, porém com apenas um mini e um midi. Vivy e Meg mais Aurélio e Cacau. Ruim pro Brasil que não vai ter os três times. Standards montariam três times, tendo inclusive os cães que venceram os últimos três títulos. Se considerarmos os condutores temos os últimos quatro.

2006 - Zé/Bira
2007 - Dan/Dina
2008 - Dan/Dina
2009 - Henrique/Mancha

Falo apenas deles porque é onde temos mais força. 



Tags:

Quem vai bater o Brasil?

escrito por Fabi Estiga nesta data  27. fevereiro 2010 04:15

Ano passado a Colômbia deu o bote no Standard por times em nossa casa. Foi um tiro forte, no peito. O Brasil Campeão Mundial do ano anterior perdendo em casa para os Standards da Colômbia. A pergunta que me fiz um tempo depois foi: seria a Colômbia capaz de vencer o Mundial? Pra mim não. O Brasil perdeu.

Escrevi para o Hotsite do A&C2010 o texto do link abaixo:
http://www.agilitybr.com.br/a&C2010/detalnoticia.asp?prod_id=90

É certo que cada vez mais nossos amigos de outros países estão mais perto dos nossos desempenhos, embora ainda os falte o mesmo que nos falta em mundiais. Aquele "T" de trajetória certinha, o "T" de treinamento certo, o "Z" de zona mais rápida e poraí vamos. No Standard individual somos, na América Latina, somos fortes demais. As duplas Standard defenderão no Chile seis títulos dos nove disputados. Se o Brasil vencer fecha uma década vencendo 70% dos individuais STD. Seriam nos últimos cinco anos 100%.

Acreditem, todos tem chances.



Tags:

Hotsite do A&C2010

escrito por Fabi Estiga nesta data  19. fevereiro 2010 15:01

É uma evolução do Hotsite do A&C2009 com vários detalhes diferentes daquele do ano passado.

A foto da capa é uma que também rolou ano passado. É uma imagem que trabalhei da Chelsea captada pela Marcela Checchia numa prova do Brasileiro no Hundewelt de 2008. No entanto todos que estiverem inscritos vão aparecer na capa.

Esse Américas e Caribe do Chile tá pintando bem parecido com o de Buenos Aires, porém a equipe Brasileira que vai é diferente, digamos.

Bom mais informações em breve no siite da CBA.



Tags:

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"