A lenda Billy Boy

escrito por Fabi Estiga nesta data  4. dezembro 2015 10:19

Quando vi Billy Boy pela primeira vez em pista ele já não era um desconhecido pra mim. Mesmo em tempos pré redes sociais eu já havia visto vídeos dele. Porém ao vivo, na sua cara, aquele cachorro era algo fantástico. O melhor nascido e criado no Brasil, em todos os tempos.

Não sei bem onde termina a verdade e onde começam as lendas. Também não sei até que ponto ele foi o melhor cão brasileiro que já vi e até que ponto a minha falta de experiência tornaram esse primeiro contato algo fora do comum. Mas o fato é que, Billy Boy, ainda é pra mim o que de melhor tivemos em termos caninos.

Em pista os resultados não foram nem perto do que outros cães tiveram. Mas ele é Campeão Mundial com Samir em 2002!!! Numa época pré-histórica do agility, pra nós hoje. Se em 2006 não tinha Face, youtube e tals, em 2002 o máximo que havia era um Fórum ou outro pra galera brigar.

Billy Boy não morreu, mudou de forma, porque lendas não morrem.



Tags:

Agility

Nivers do Billy Boy

escrito por Fabi Estiga nesta data  27. abril 2014 18:31

(4981) Acabo de ver numa rede social que Billy Boy, dog nível legend, completou hoje 15 anos de idade. Existem diversas lendas sobre esse cão.

Uma delas diz que uma vez Samir pensou a palavra "passa" (comando usado para entrar no slalon) enquanto assistia Goiás X São Paulo em casa, na Capital de todos os Paulistas. E Billy Boy que já morava no Rio de Janeiro com Jorge Pais, 500 quilometros de distância, saiu desesperado de dentro de casa a procura do obstáculo, já era de noite, pois era quarta-feira dia 2 de junho de 2010.

Outra conta que certa vez veio um francês pro Brasil e disse que conduzia parado em pista seu cão. Pediu lá que fosse marcado um ponto e desse ponto ele mandaria TUDO e o dog faria a pista. Depois de demonstrar toda sua perícia, o Europeu perguntou se alguém conseguiria fazer algo parecido. Então Samir conduziu Billy Boy do lado de fora da pista usando apenas cógido morse e linguagem navajo, criptografia usada na segunda guerra mundial pela marinha americana, pelo microfone.

As pessoas que me contaram juram que é verdade e pediram para que eu não as identificasse.

Bom, parabéns Billy Boy!!!

Vídeo abaixo o Jumping times, mundial 2002, Brasil Campeão. Interessante que a primeira pista foi o Agility e Samir com Billy Boy abria os trabalhos.



Tags: ,

Agility

RJ19

escrito por Fabi Estiga nesta data  18. julho 2012 09:49

Que passa no Rio de Janeiro?

Essa é uma pergunta que faço há uma carinha já. Sempre pergunto e chamo os cariocas para escrever e contar mais, porém a coisa não evolui. Segunda-feira escrevi no post do seminário que o Samuca e o Tiago fizeram naquelas bandas que gostaria de estar no Festival Billy Boy, no próximo final de semana.

Parece que os cariocas não querem tanto assim.

Estou bem por fora da situação no Rio, então até mesmo falar que eles não querem estar lá é meio ridículo da minha parte. Posso estar falando uma imensa besteira. Queria entender. Também no passado comentei, não sei com quem, que o Rio estava indo pelo mesmo caminho que o Rio Grande do Sul foi. E estava certo, foi mesmo. Acabou com o regional.

Resta saber se vai continuar seguindo o Rio mais ao Sul ou se trilhará o caminho certo.



Tags:

Agility

Quer um Border Collie?

escrito por Fabi Estiga nesta data  28. agosto 2009 00:02

Billy Boy X Nicky:
http://www.agilityrio.com.br/detalnot_agt.asp?prod_id=152

Acho que vou começar a colocar ninhadas dos conhecidos aqui. Amigos que queiram enviar seus links por favor: fabi@agility.esp.br.



Tags:

No Comments - é de chorar no cantinho

escrito por Fabi Estiga nesta data  16. dezembro 2008 22:19


Tags: ,

Billy Boy X Schummy

escrito por Fabi Estiga nesta data  21. outubro 2008 15:04

Algo legal e até inspirador de domingo foi a ordem de entrada, a minha no Open 2 e 3. Na lista estavam Speedy, da Luciana que acho que é irmão da Dana, se for ele é filho do Billy Boy, depois o próprio Billy Boy com o Jorge e eu com o Schummy na sequencia. Com anteção via a entrada dos dois com cães com comportamentos parecidos em pista.

A Lu com o Speedy foi desclassifica, o Jorge completou com o Billy 38,78 enquanto que eu fui desclassificado faltando dois obstáculos, mesmo assim terminei a pista com 40,96. O engraçado é que aparecia na 4ª posição na lista Standard. A entrada do túnel estava na subida da Rampa e tirei ele tanto de costas da subida dela que ele acabou passando uma pata no Slalon. O detalhe da minha pista é que levei um refúgo no slalon ainda.

No Jumping novamente a ordem de entrada. Lá estava eu esperando ao lado do Billy Boy e do Jorge pra entrar em pista. Entra o Speedy 37,22. Entra Billy Boy 36,76 e ai entra quem Tchutchuco com Samurai, ou Forrest, ou Pooh (puff) ou um dos apelidos que tenho e faz o que? 35,74 e Pega Nóis. Minha pista foi limpa sem sustos, mas com várias escorregadas e passeios. Dava pra tirar fácil um segundo dessa pista, com um pouco de trabalho dois.

Depois de sair de pista a secretaria me deu os parabéns Henrique, Cibele e Annie. Falei "o Jorge com O Billy Boy me deixou inspirado". O Jorge ganhou essa, mas vou me preparar melhor pra tentar no mínimo bater o vovô. Veja o vídeo abaixo:



Tags: , , ,

Primeira prova oficial de 2008

escrito por Fabi Estiga nesta data  17. janeiro 2008 21:39

A primeira prova oficial de 2008 ocorreu final de semana passado, domingo dia 13 pra ser mais preciso, no Rio de Janeiro. Um dos árbitros convidados foi o Tiago Vieira (Mr. Rock) de Santa Catarina. Inclusive ele entrou em pista com o Happy como já havíamos comentado aqui, mas ainda no iniciante devido a idade do cachorro.

Quem também esteve em pista foi a Marta com o Zé, conquistou um Excelente Zerado. Outra presença que devo destacar é a do Billy Boy, sou fã desse cachorro, com Jorge Pais. Boy tem oito anos e é disparado, na minha opinião o melhor cachorro que já vi em pista. Pode até ser saudosismo, mas que foi, foi.

A última vez que vi ele em pista foi na apresentação durante a 2ª etapa da Copa CBA, com o Samir. Na ocasião foi feita uma homenagem à o melhor do final de semana. O nome do troféu era Billy Boy. Esse "velho cão" entrou em pista, na época não estava competindo e fez um tempo quase igual ao melhor do dia. Por isso sou fã desse cachorro.

Com o Jorge no Rio vem fazendo uma boa campanha, parece que já tem dois Excelentes Zerados, mais um e vai pro grau 2 onde deverá dar muito trabalho aos que lá estiverem.



Tags:

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"