Glee nas finais do BR18

escrito por Fabi Estiga nesta data  15. março 2017 01:44

Começo dizendo que as quatro pistas que fiz no final de semana foram muito boas. Dan, Renan e Samy julgaram nos dois dias. Pistas fluídas, com alguma dificuldade, mas acima de tudo percursos Grau 2 mesmo.

Casualmente completei as montadas pelos Wroblewski. O Jumping do Dan sábado e o Agility de domingo. No Jumping a pista permitia que você deixasse o cachorro andar um pouco, sem precisar de muito controle. Assim deixei ela andar mesmo, sacrificando o tempo. Mas uma falta no último obstáculo acabou me deixando na tericera posição. Segundo melhor tempo, ainda.

No Agility do Renan eu estava zerado. Tudo o que eu queria era terminar a pista. E faltando três obstáculos, num salto que tentei angular, Glee fez um out, fomos desclassificado. Não dava para acreditar. Terminamos o percurso, sem faltas, mas eliminado.

Domingo acabai desclassificado em outra pista que considerava boa para nós, e era. Mas ao invés de fazer uma volta para o slalon, ela foi para o salto em distância. Só restou no agility tentar fazer o melhor possível, tentar virar rápido e terminar o Brasileiro, quem sabe??? (que pretensão a minha) com uma Best Lap?

Mais um percurso que casava com nosso estilo. Pois bem, levamos uma falta de zona da Rampa A e ela derrubou uma telha. Não deu a Best Lap, mas foi o melhor tempo. Paciência. Assim são as coisas. Nem sempre a gente consegue. Pra conquistar algo o caminho mais curto não é o melhor.

Ficamos felizes, ela catou a guia e saiu correndo. Isso é o mais legal. Adoro conduzir a Glee, ela é mais do que eu achei que ela poderia ser. Ainda temos duas pedreiras para competir, as provas finais da Copa CBA, Open 2 e 3. Ai finalizamos nossos nacionais.



Tags: , , ,

Agility

Além das tabelas - BR18 finais

escrito por Fabi Estiga nesta data  13. março 2017 21:19

(fotos Marcela Françoso) Muito calor, mais uma vez. O clima de Araçoiaba não é muito diferente do de Itu, ou Cotia. O calor pegou nos dois dias. No entanto foi suportável. Bom pros que conseguiram e quiseram entrar na piscina. As crianças se divertiram. Abaixo Bernardo e Logan.

Quem não está aconstumado com offroad achou a estradinha de acesso ruim. Comparada ao asfalto lisinho das estradas paulistas realmente era. Pra mim, que  durante muito tempo tive a pesca como esporte principal, não. Já andei em lugares muito piores, abrindo e fechando porteiras de fazendas.

O "sistema" CAMP é legal, comentei com o Ricardo (Tubaldini) logo quando saiu o local, que em anos anteriores, 2006/2007/2008, lá no Paineiras algo parecido já havia sido realizado, no entanto lá todos ficavam em Chalés. Barraca é legal, curto acampar, porém não tenho como levar todos esses equipamento no meu carro hoje. Quando muito tenho espaço para os cachorros.

Depois vou escrever um post sobre os estrangeiros.

As montagens das pistas. É preciso tirar o chapéu para os árbitros e a equipe de montagem. Foram 10 percursos por dia!!! DEZ! Se fosse levar com a barriga não terminava na segunda-feira. No entanto o que vi foi um empenho muito grande nesse ponto e com um grande detalhe. Ninguém ficou sem terminar o percurso, sem aquela história chata de "foi desclassificado sai". No domingo sobrou uma hora de sol.

Seguindo no campo de montagem dois novos árbitros, aspirantes, fizeram seus primeiros julgamentos. Vivy (foto acima) no sábado e Marcela no domingo. Dizem que Vivy nem dormiu e que as 5 da manhã já estava com a pista montada batendo na porta do Edu dos obstáculos. Marcela parecia mais relax e montou as 8h30. Vivy achou um absurdo a displicência da amiga e parceira de equipe, hehehe.

Boas pistas, estão de parabéns, com certeza serão bem acompanhadas pela CA, terão sucesso no futuro.

O piso de grama, não aquela grama plantadinha e tals. É uma grama "nativa" que tem um mato junto. Não foi ruim. Algumas partes estavam descobertas e levantavam aquela poeira quando os dogs passavam. Dá aquela noção de velocidade quando mudam de direção. Acima Flávio e Kadú.

Ainda bem que não choveu muito, apenas sábado um pouco no meio da tarde. Mas em qualquer piso de grama será assim, bem como fica quase impossível correr no sintético no alto do verão, muita água irá sempre prejudicar quando o piso for natural.

Acho que é isso, se lembrar de algo importante complementeo depois.



Tags: ,

Agility

BR18 - finais com 104 duplas em pista

escrito por Fabi Estiga nesta data  7. março 2017 00:04

Como eu digo sempre, tudo pode mudar e muda. Alguém sai, alguém entra. No entanto a fatura é essa, hoje. O número é 25% menor que o da abertura, mas cabe uma explicação.

Primeiro que as etapas finais ficaram bem perto das provas de fevereiro da Copa CBA. Segundo que logo mais teremos seminário com o Patrick, duas semanas depois. O que fez o número de estrangeiros cair. Outro motivo, esse menos importante, mas que fez a diferença o Américas e Caribe.

Mesmo assim os 94 e 97 duos, respectivamente inscritos no sábado e domingo são um ótimo número. Baseado no que seriam as etapas intermediárias de um certame com 10, por exemplo. Abertura e finais sempre são mais procuradas, e as de um Brasileirão, bem trabalhadas seriam recorde de presentes.

Enfim, as etapas dos nacionais foram pensadas da seguinte forma. Apesar do Ranking geral após seis etapas, a Copa CBA é voltada para classificar duplas para o Mundial. E as provas do Brasileiro voltadas para que muitos condutores "estrangeiros" (fora de São Paulo) estivessem presentes e disputassem os rankings.

Lembrando que há 10 anos Copa CBA mais Brasileiro representavam 20 etapas. Hoje juntas são 10. Outros tempos do nosso agility.



Tags:

Agility

BR18 - 10 anos de campeões no Iniciantes

escrito por Fabi Estiga nesta data  6. março 2017 00:05

Domingo que vem, ainda pela manhã, já será possível saber quem são os novos Campeões do Iniciante. Provável que tenhamos uma Bi-Campeã no Mini/Midi, graças a regra que não obriga mais a dupla a deixar a categoria após um ano competindo e ou pedir rebaixamento e não ter o direito de concorrer ao ranking. Rita e Skipper, dessa forma, podem acumular medalhas suficientes para chegar ao título.

Dois pontos para analise. Primeiro que falta um ano nessa tabela, foi 2014/2015, temporada em que não tivemos contagem dessas categorias. Nem no iniciante e nem no grau 1. Uma pena. Pois a tabela ficou quebrada. Segundo que agora o ranking não é por pontos, e sim por medalhas, sistema olímpico.

Impossível repetição no Standard do que poderá ocorrer no Mini/Midi, visto que Bianca e Mel já competem no Grau 1. É interessante ver as raças, ou a falta de raças entre os campeões.

São 18 Campeões divididos da seguinte forma:
05 Pastor de Shetland
05 Border Collie
04 SRD
02 Schnauzer
02 Golden Retriever

Lembrando que poderíamos ter um Campeão Standard da raça Pastor de Shetland e ou um Mini/Midi da raça Border Collie. Não é um erro colocar tudo na mesma "barca". Pena que não temos mais variedade de raças.

Algo que sempre é discutido, a validade da categoria versus sucesso dos cães nos demais graus. Seria ela realmente importante para o desenvolvimento do esporte e até que ponto faria diferença para melhor ou pior? Essa é uma resposta que eu não vou dar. Mas você mesmo pode pesquisar mentamente quantos desses 18 cães chegaram ao grau 2 e 3, e até mesmo quantos chegaram a Mundiais.



Tags:

Agility

BR18 - as finais

escrito por Fabi Estiga nesta data  4. março 2017 18:11

Por diversos motivos o Brasileirão número dezoito perdeu as forças. Mas isso poderemos falar  depois das provas, talvez até depois do fim da temporada. Mas ainda é o Campeonato Brasileiro de Agility, e deve ser levado em conta como a competição mais tradional do nosso país.

As inscrições já estão abertas para a competição que ocorrerá em um lugar novo, na cidade de Aroçoiaba da Serra. Grama natural novamente. Interessante que teremos pistas separadas para o grau 3. Minis e Midis em um percurso e Standards em outro. O que elevará o número de percursos para 10!  Normalmente essa separação era feita na Copa CBA que tem graus 2 e 3 unificados.

No BR esse formato até chegou a ser ventilado em algumas etapas, porém o número alto de percursos para montar tornava as provas maratonas de "monta/reconhece/entraempista" sem fim.

Vamos ver como será agora.
Informações abaixo:
http://www.agilitybr.com.br/detalnot_agt.asp?prod_id=2405



Tags:

Agility

BR18 - prepara pras finais

escrito por Fabi Estiga nesta data  20. fevereiro 2017 16:15

Mas parece que foi ontem que as provas da Copa CBA ocorreram no Clube de Câompo e já vamos falar novamente em nacional? É isso mesmo. Dias 11 e 12 de março já são as finais do Brasileirão. São 18 dias pro sábado da 3ª etapa.

O local é novo, iniciativa do Ricardo Tubaldini, vai ser uma prova no estilo das que ocorreram no Paineiras algumas vezes. As pessoas dormem no mesmo local das competições. Como o sítio é pequeno e comporta poucas pessoas em quartos, para alguns será assim e para outros não. Será como o de sempre para os estrangeiros.

Alias para nós que somos de fora as provas já são acampamentos, sempre.

Depois dessa prova, nossa meta de competir em todas as provas nacionais estará bem perto de chegar ao final. Doses generosas de Agility e BR101.



Tags:

Agility | On the Road

Rankings Copa CBA e Brasileiro

escrito por Fabi Estiga nesta data  8. novembro 2016 09:42

Atualizadas as tabelas após as etapas iniciais das duas competições nacionais eu e a Glee aparecemos em ambos, até que bem colocados. Importante pra mim é ter marcado alguns pontos no Unificado 2 e 3. Foi uma miséria, exatos 1,284 (um virgula duzentos e oitenta e quatro pontos). Sem a falta teria sido 4,200. Sairia da 17ª posição para a 12ª.

Porém o alvo não é ir bem no ranking. Ainda mais nessa competição Open, e ainda somos grau 2.

No Grau 2 do Brasileiro estamos melhores. Assim como na Copa CBA, nossos pontos foram obtidos em apenas uma pista. No caso do BR18 uma Bestlap. Os 30 tentos nos deixam na 4ª posição. Boa para tentar se manter entre os cinco primeiros. No Qualquer Raça sempre tenho a Companhia da Renata com a Capitu.

Na Copa CBA ela tá na frente e no Brasileiro Eu e Glee.



Tags: ,

Agility

Só o filé - BR18

escrito por Fabi Estiga nesta data  24. agosto 2016 22:54

Com apenas quatro etapas, duas duplas, o BR18 é um certame nobre. Só a picanha, porque é formado apenas pelas melhores provas, a abertura e o encerramento.

Mas quatro etapas não é muito pouco?

Foto acima by Sophia Forbes.

Pois é, parece pouco mesmo, porém nesses tempos de "crise" instalada ter um campeonato curto como esse é bom, porque concentra os esforços. Ao mesmo tempo, no contraponto, não tem muito o que escolher. São esses dois finais de semana, no caso agora apenas um, e tchau.

O Brasileirão vem encolhendo, se tornou apenas Brasileiro, agora BR18. Terá um hiato de sete meses entre abertura e encerramento, entre as primeiras e as últimas etapas. Não tem meio, só tem início e fim.



Tags:

Agility

Duas semanas sem agility

escrito por Fabi Estiga nesta data  21. agosto 2016 00:55

Chuva aqui no RS desde sexta-feira, logo nosso treino de sábado foi pro saco. Com isso já são duas semanas sem agility, a última vez foi em Itu, domingo da 2ª etapa do BR18.

Na semana seguinte fiquei em São Paulo trabalhando e nessa semana entre um trabalho e outro também não rolou.

Por um lado é bom porque dá pra sentir aquela falta, por outro é ruim porque no final das contas dar continuidade ao trabalho é essencial para o resultado. Rapidinho a Copa CBA, nosso próximo alvo estará ai, dias 15 e 16 de outubro. Falta tempo, mas faz pouco tempo que começaram as olimpíadas e já terminaram.

Na foto, by Sophia Forbes, Eu com o Bola.



Tags:

Agility

Glee, Bestilépica

escrito por Fabi Estiga nesta data  11. agosto 2016 01:31

Primeiro preciso dizer que os percursos do Tamás foram incríveis. Ou o cachorro tem uma linha boa ou já era. Você precisa trabalhar o dog pra ele seguir no trilho. O resto é velocidade pura. Muito boas. Foto abaixo: Sophia Forbes.

Fiz quatro pistas com a Glee no final de semana, e completei duas. Os duas pistas de agility. No sábado, meio transloucado com duas faltas de zona. Foi o melhor tempo, mas com as faltas o resultado ficou mascarado. Domingo foi bem melhor, com um tempo muito legal. Uma correria o tempo todo, sem pausa para respirar.

Nos jumpings eu acabei eliminado, ambos bem no início. Uma pena, porque o final de semana poderia ter sido excelente, acabou sendo apenas bom. O caminho está certo e agora é continuar nesse rumo.



Tags: ,

Agility

Café com Agility BR18 - inscritos

escrito por Fabi Estiga nesta data  4. agosto 2016 02:49

Basicamente uma reflexão em relação a este e este post que escrevi sobre a lista de inscritos. 138 é ou não é um bom número de inscritos? A minha visão sobre o assunto no vídeo.



Tags: ,

Agility

Its My Life - Amigo Cão

escrito por Fabi Estiga nesta data  3. agosto 2016 20:45

Não tem muito o que falar, apenas assistir. Pra motivar a equipe que vai pro BR18. No final das contas somos uma família mesmo. Dividindo felicidades, tristezas, brincando e brigando. Assim é a minha vida.

ITSMYLIFE from fabiestiga on Vimeo.

Se alguém quiser ver a tradução da música, segue o link aqui.



Tags: ,

Agility

Último treino antes do BR18

escrito por Fabi Estiga nesta data  2. agosto 2016 18:47

Foi o último antes da viagem e é preciso dizer que foi muito bom. Aquele pra corrigir as coisinhas. Glee evoluiu bastante nesses últimos dois meses, desde as finais da Copa CBA lá em Atibaia. Abaixo a nova camisa da Amigo Cão, mas não podemos mostrar mais que isso.

O Out dela melhorou e a preparação do Aurélio foi muito boa. Me sinto hoje muito bem encaixado com a Glee. Bola vai oficialmente comigo para sua última competição. Depois competirá apenas com o Théo. Não treino mais ele há meses, é só uma despedida minha desse grande parceiro.

A camisa nova ficou sensacional. É a mais bonita da história da equipe, extremamente leve. O material é digno de camisa oficial de grande time de futebol. A Dresch está de parabéns pelo produto e pela qualidade geral. Bordado, costuras, tecido... fantástica!

Não tenho vídeos, mas posso garantir que a galera foi muito bem. Apenas a Vívian e a Nicolle não treinaram hoje. O que mostra o comprometimento da equipe. Enfim, quinta-feira estaremos todos na estrada.



Tags: ,

Agility

BR18 - inscritos por escolas

escrito por Fabi Estiga nesta data  2. agosto 2016 10:27

Comentei no post anterior, aqui, que nenhuma escola se destacou em número de inscritos. Muitas ficaram no mesmo patamar. As outras duas aberturas  feitas no Dog World contaram com uma maciça adesão dos alunos. Ao ponto de na temporada passada somarem 35 duos.

Nos últimos cinco anos a abertura no Shopping Parque das Bandeiras foi a mais aceita. Lembro que naquele ano a Ana Burnier agitou muito e até vídeo fizemos pra chamar as pessoas. Deu certo. O aumento foi de 10% em relação as etapas de Itupeva do ano anterior. Agora ele se manteve nas últimas três aberturas.

No entanto o crescimento das duplas de fora de São Paulo não pode deixar de ser notado. Foi agora, nessas etapas, e o normal é que a porcentagem caia um pouco em outras competições.

Inscritos/Escolas - Sábado + Domingo

18 Dog World
17 Amigo Cão
16 Ducão Agility
11 Universicão Agility Crtba
11 Clube de Cãompo Agility Team
09 G.A.P
08 Brigada Veneno
06 ABRAFA/Paulo Prado Agility
05 Cia Cães Agility MG
04 4Fun Agility Club
04 Latas Dog
03 Autletas Agility Team
03 Border Collie Curitiba
02 Universicão Agility BH
02 Individual
01 Sancagility
01 Adventure Dog
01 Cariocas
01 Passeio bom pra Cachorro
01 Cão Bala
01 EPOCA
01 Agility3

No total são 21 escolas, contando os individuais como se fossem uma. São sete escolas com apenas um inscrito, o que mostra um possível potencial de crescimento ou ainda de estabilização de inscrições.

Da mesma forma na outra ponta, temos a Amigo Cão colocada entre as duas maiores escolas de SP. No domingo inclusive será a maior escola em número de inscritos. Porém o esforço para isso, falo com total conhecimento de causa, é extremo. É um número absurdo hoje.



Tags: ,

Agility

BR18 - fatura fechada - 126 inscritos

escrito por Fabi Estiga nesta data  2. agosto 2016 00:18

Os números podem mudar, sempre tem alguma coisa que acontece, porém o número dessa abertura de Brasileiro, encerradas as inscrições, é 126.

Os inscritos estão mais espalhados pelas escolas, não tem uma delas com 30, por exemplo, como houve ano passado no Dog World, quando colocou 35.

Impressiona nessa lista o número de estrangeiros. Totalizando 40% dela. Acredito que seja um recorde. O número em ambas as provas é 50, que representa cerca de 42% se dividirmos os inscritos pelos dias, 119 sábado e 119 domingo.

A variação dos últimos cinco anos é muito pequena. Considerando apenas as aberturas.

Competição - Sábado/Domingo - Local/Cidade

BR14 - 106/111 - Hípica da Fazenda Serra Azul/Itupeva
BR15 - 126/125 - Shopping Parque das Bandeiras/Campinas
BR16 - 122/119 - Dog World/Cotia
BR17 - 121/119 - Dog World/Cotia
BR18 - 119/119 - Clube de Cãompo/Itu

Destaco novamente o fato de que no Dog World, o Dog World sempre é muito forte.

UPDATE: duas duplas entraram na lista de sábado e uma domingo. Assim os números foram corrigidos. De 124 para 126.



Tags:

Agility

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"