Os Campeões do XVIBR

escrito por Fabi Estiga nesta data  17. março 2015 22:15

Campeões são sempre campeões, seus nomes ficarão para sempre inscritos, ou até que a página de ranking saia fora do ar. kkk. Falando sério agora, tivemos várias novidades no final das seis etapas do Brasileiro, temporada 2014/2015.

No Mini G2, Katia com Nica mandou nessa temporada. Unificou Copa CBA com Brasileiro, levou os dois. Uma trajetória interessante, vale a pena um dia ser contada com maiores detalhes. No Midi G2 também uma unificação, dessa vez Daniel com Paco venceu os dois nacionais. O mesmo não ocorreu no Standard, onde Fernanda com Fendi venceu. Na Copa CBA foi Aurelio com Wendy.

Interessante que dos seis possíveis títulos nacionais do G2, quatro vieram para o Sul do Brasil.

No Grau 3 Paulo e Blanka venceram o sexto título. Seguido. E ao que tudo indica foi o último. Samir venceu com Lali a outra competição Nacional. E ai tempos mais duas duplas que unificaram rankings. Primeiro Vivy com Jem, no Midi, depois José Luiz com Bona. Tri-Campeão.

Interessante que mesmo com fórmulas bem diferentes os resultados foram quase os mesmos no Grau 3.



Tags: ,

Agility

XVIBR - inscritos para as finais

escrito por Fabi Estiga nesta data  13. março 2015 01:26

O menor Campeonato Brasileiro dos últimos 10 anos, talvez até o menor da história, mostrou uma queda no número de inscritos da temporada passada para essa. Os motivos variam. Por vezes a baixa adesão estrangeira, em outras oportunidades os paulistas não participam e assim vamos.

O momento agora é de euforia, não poderia ser diferente. A delegação brasileira para o Américas e Caribe tem quase 140 duplas e não é nem de perto a força total. Então nem é hora para discutir isso, mas vou deixar registrado assim mesmo.

A média de duplas caiu, já falei isso. Dez pontos percentuais. Em 2013/2014 foram 124 por prova. E foram 10 provas. Agora, as seis que foram disputadas, já contando o final de semana, geraram 112. Número que é maior que o da temporada 2012/2013, quando não chegamos aos 100 inscritos de média.

As provas de Valinhos tiveram 100 e 104 duplas inscritas. São números bons, se levarmos em conta que agora muita gente já pensa nas provas de abril.

A mudança no calendário, causada pela foto-célula, criou dificuldades logísticas. Rio de janeiro e Paraná menos atingidos mantiveram as inscrições. Porém RS e Minas diminuiram muito, porque foram em 60 dias seis provas nacionais.

Como falei, é tudo para pensar depois do A&C.



Tags:

Agility

XVIBR - mudanças nas lideranças do Grau 3

escrito por Fabi Estiga nesta data  1. fevereiro 2015 13:32

Duas em três. Foram grandes as mudanças nos rankings do G3 dentro do XVI Campeonato Brasileiro de Agility. Apenas a dupla Standard se manteve em primeiro. Tudo nos leva para disputas acirradas nas etapas finais, que serão disputadas também em Valinhos. Me pergunto até que ponto a grama natural fez diferença nos resultados.

Mini
Renan/Nitro eram líderes, com 0,77 de vantagem para Paulo/Blanka. Ambos marcaram muitos pontos nas pistas da 3ª e 4ª etapa.s Mas a vantagem passou a ser da segunda que foi citada aqui, apenas 2,12. Com um total de 20 pontos em disputa tudo está amplamente aberto. Samir/Lali também seguem na disputa, mais de 10 pontos atrás da liderança. Cinco duplas marcaram pontos até o momento;

Midi
Mudanças mais drásticas. Vinda da 4ª colocação Vivy/Jem agora são líderes (foto ao lado). Samy/Theo cairam para a terceira posição, enquanto que Marcela/Dora seguem como vice. Marcos Victor/Fly marcaram bons pontos e se colocaram na disputa que está aberta entre esses quatro duos;

Standard
Em termos matemáticos os cinco primeiros tem chances de título. No entanto é mais provável que fique entre José Luiz/Bona líderes com 28,28 pontos ou Tiago/Life com 24,18. O terceiro lugar é de Samy/Black, que não marcaram pontos nas quatro primeiras pistas e ultrapassaram nove em apenas uma tacada. Além dos três citados, também tem chances do Top1 da categoria: Felipe/Cookie e Marcela/Simba. As outras sete que marcaram pontos até o momento disputam boas posições ao final das setes etapas, ou doze pistas.

Se não for pelo título que seja pelo Américas e Caribe 2015

É bom lembrar que os rankings deste Brasileiro serão usados para a composição dos times A do Brasil no Américas e Caribe. Os quatro primeiros de cada categoria terão a honra. No Midi está mais tranquilo, aparentemente o time será formado pelos quatro citados.

No Mini há uma disputa pela quarta vaga. Sonia/Beatriz e Flavio/Lilly. No entanto tudo é possível e até mesmo outra dupla fique fora, que não as duas. Porém pela média de pontos marcados por etapa deve ser entre Beatriz (4º) e Lilly (5º).

Hoje estaria definido o time Midi com: Jem, Dora, Theo e Fly.

No Standard é que a disputa está mais complicada. Seis duplas para duas vagas. Diria que Bona e Life já tem lugares garantidos, a disputa delas é outra. Black, Cookie, Simba, Guapo, Vicky e Sophia estão separados por 4 pontos apenas. Sendo que a vitória de UMA pista vale 5.



Tags:

Agility

Devagar e sempre

escrito por Fabi Estiga nesta data  29. janeiro 2015 19:35

A competição é uma das coisas mais legais e mais tristes do esporte. Se você não sabe perder não sabe ganhar, e por esse motivo combinamos com o Théo que ele só entraria em pista, depois de uma dessas tantas provas que ele fez como fraldinha, se fosse valendo. E assim aconteceu em Valinhos.

O Fraldinhas foi uma sacada muito legal da CBA, incentivar essa gurizadinha é uma das coisas mais legais que podemos fazer pelo futuro do esporte. Só que depois de algumas entradas em pista comecei a ver o efeito contrário, que no Théo apareceu pela facilidade em conquistar o prêmio. Não há comprometimento e isso é bom, e não se comprometer é ruim.

Um dos tantos paradoxos do esporte. Outro é a já mencionada competição, tão ruim quanto boa. Ao mesmo tempo que pode te fazer evoluir e motivar, também pode ter o efeito contrário. Ai entra o pai e a mãe. Cabe aos tutores o papel de filtro, nem tão ao norte, nem tão ao sul.

Théo é um esportista, já é, perto de completar seus 9 anos de idade, faz natação e joga futebol praticamente todos os dias, Agility pra ele é algo normal já que nasceu dentro desse meio, a primeira prova nacional em que esteve tinha 3 anos e meio de idade. Cachorro, caixa, reconhecimento, medalha, viagens intermináveis... tudo normal, bem como é normal também confundir com rotina, diminuindo a importância de treinos e o compromentimento.

No final das contas a medalha de 2º lugar na primeira das quatro pistas do final de semana foi um bom prêmio pelo empenho que demonstrou, no entanto também deixou claro que é preciso mais que isso para manter-se lá entre os melhores, mesmo no iniciantes.

Parabéns Théo, foi show!!!



Tags:

Agility

XVIBR em valinhos 4 - cousas e causos

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. janeiro 2015 22:17

As provas do XVIBR foram legais, apesar do calor e da poeira, tudo foi 100%. Nem foram mais rápidas, nem mais lentas devido ao início das 8 horas. Se fosse as 10 teria findado as 18. No sábado eu acho que começar as 9 estaria legal. No domingo as 8 tudo bem. Ai ainda dá pra chegar em casa e aproveitar um pouquinho do horário de verão. Agora, no inverno começar as 8, com aquele friozinho. Foto abaixo by Vívian Razel: Antonella e Maddi.

Parabéns pra secretaria da prova. Um monte de gente trabalhou durante os dois dias. E no final do domingo já tinha o ranking do grau 3 publicado. Pena que do grau 2 também não etava lá.

Eugenio Minet encerrou suas atividades como árbitro no sábado, quando julgou junto com o Aurélio Schubert as provas da 3ª. No Face ele colocou a seguinte postagem: "Como já é de conhecimento da comissão de arbitragem, sábado passado, julguei minha ultima prova de agility, agradeço a todos que sempre elogiaram minhas pistas, e peço desculpas a aqueles que, nem sempre saíram contente com meu julgamentos, mas tenho certeza que sempre tentei fazer o melhor.".

Pódio do Grau 3 Standard. Zé/Bona, Eugenio, Tiago/Life e Samy/Black.

Nos últimos três meses julgou três vezes o grau 3. Na abertura do Brasileiro no DW, a 6ª etapa da VII Copa Paulista em dezembro e agora, novamente. Não vou dizer aqui que adorava os percursos do Eugenio, porém é fato: mais um que se aposenta ou simplesmente para de julgar. Olhando a lista de aptos aos julgamentos do G3 vemos que poucos julgaram nessa última temporada, até porque muitos competem no mesmo grau e preferem os cães ao apito. Tão pouco vou dizer, ainda bem que não julgará mais. Longe disso. No esporte temos nossas preferências, simples assim.

Pra aliviar um pouco, disseram que as pistas do Samir estavam tão travadas domingo, que dentro de um dos túneis tinha um controlador de velocidade. Como são maus esses agilitístas. Brincadeira Samir!!! Tô falando isso porque fui mal, se tivesse ido bem estaria elogiando. kkk. Foto abaixo by Vívian Razel: José Luiz e Bona.

Tem um ditado, do norte da França, que diz assim: "em clube de tênis border collie sempre tem com o que brincar". Os indigitados jogavam uma bolinha pro cachorro buscar e ele voltava com três! Muitas perdidas descartadas, algumas detonadas, furadas, outras só sujas e algumas bem novinhas. Théo e Nicole juntaram mais de 40!!!

Foto abaixo, a cachoeira nas escadas do Hotel. Foto by Théo Estiga.

Já falei que o Clube era muito bom? Claro que sempre temos prós e contras, mas é uma possibilidade. Já contei que depois da prova de sábado choveu muito, mas está tudo tão seco que nem fez muita diferença. Se tivesse chovido durante a prova seria o caos, ainda bem que segurou tudo certinho. Seria uma lástima para todos.

Bom é isso. Malas prontas, viagem de volta para essa madrugada sem saber quando estaremos novamente aqui por essas bandas. De resto o meu muito obrigado!



Tags:

Agility

Glee, um caso interessante

escrito por Fabi Estiga nesta data  25. janeiro 2015 20:43

Final de semana foi de sete desclassificações. Hoje completei zero pistas. Não foi de todo ruim. Com o Bola foi meia boca, ele está sem preparo, cansado e lento. A Glee já é outro caso, estamos fora de tempo, preciso entrar mais na onda dela e pensar mais rápido.

Nesse final de semana chegamos ao seguinte ponto. Foram quatro desclassificações, no entanto em três oportunidades, fomos desclassificados e completamos a pista sem nenhuma falta!!! Ou seja, se não fosse o pequeno imprevisto, teria possivelmente zerado três dos quatro no final de semana.

Acima, o Agility o Samy, de hoje domingo.

Mesmo assim fiquei muito feliz com ela, porque foi uma evolução interessante. Quatro entradas de slalon perfeitas, seis zonas de contato sem faltas. Saca? Só falta acertar a condução e entrar no tempo. Pode demorar, porém base a gente tem.



Tags: ,

Agility

XVIBR em valinhos 3 - TIME

escrito por Fabi Estiga nesta data  25. janeiro 2015 19:49

Primeiro agradecer aos Ferigattos pela hospedagem na barraca. Miguel vendeu a alma pro Oncins pra conseguir um lugar quase lá no topo do morro, onde rolava uma brisa fresca da montanha. Quando saímos de Valinhos marcava 36º no termômetro, pouco preciso é verdade, do carro. Mas acho que era isso mesmo.

Acima da esq. para dir na foto de Miguel Ferigatto (slow finger): Théo/Bola, Vívian/Coca, Anderson/Budy, Wendy, Nicolle/Cacau, Guapo, Aurélio, Totó, Felipe/Gordo e Gordo/Glee. Essa foi a galera que treinou nas últimas três ou quatro semanas e que estava lá. Valeu a pena o esforço. Se tivesse ficado em casa teria perdido as pistas do Felipe de domingo com o Totó e o último EZ do Anderson com o Buddy, passou pro grau 2.

Sem falar nessa dupla de pequenos grandes condutores. Nicolle e Théo deram show maior, pra mim, fora de pista. Pelo empenho e comprometimento com o esporte. Fica meio óbvio que os resultados são um misto de cães treinados com um treino mais específico dirigido para os dois. No entanto só quem vê de perto esses dois, nos treinos e nas conversas que eles mesmos tem, sabe que a estrada deles não foi tão simples quanto dá pra imaginar.

Todos estão de parabéns.



Tags:

Agility

XVIBR em valinhos 2 - resultados

escrito por Fabi Estiga nesta data  24. janeiro 2015 22:33

Pela ordem das provas, começando pelo Grau 3 onde tivemos dois cães - Guapo e Bola. Aurélio completou o Jumping e eu o Agility. Com nossos resultados combinados talvez a gente estivesse no pódio. No grau 2 a Glee foi bem, foram duas desclassificações, no entanto fez coisas muito boas. Gostei.

Amanhã Glee terá a companhia de Anderson com Buddy, conquistaram finalmente o terceiro EZ. Foi uma pista muito boa, nervosa, percurso do Eugenio Minet. Se demorou ou foi rápido não importa muito, na real agora é curtir o momento e colocar, já amanhã, o dog no G2. Felipe com Totó fez duas ótimas pistas, com um cachorro difícil ele não fez feio. Pena as desclassificações.

No iniciantes foram várias duplas. Nicolle com Cacau fizeram dois primeiros no Mini/Midi, grande estréia em nacionais, no Standard o Théo fez um segundo lugar, ótima estréia oficial, e a Vívian fez um segundo também, e a Nicolle com a Wendy fez um terceiro lugar. Felipe foi muito melhor do que a sua estreia no Dog World com o Gordo (Aquiles) foram ótimas pistas, a segunda zerada.

Foi um dia proveitoso pra Amigo Cão e AgilityESP.

Amanhã é outro dia para se empenhar pelos nossos objetivos. Agility é pista por pista, a cada percurso um novo desafio.



Tags:

Agility

XVIBR em valinhos 1 - sábado

escrito por Fabi Estiga nesta data  24. janeiro 2015 21:47

As provas foram boas em Valinhos, a previsão do tempo em parte estava errada em parte estava certa. Choveu no final da tarde e no início da noite. Porém foi bem mais que os 14mm indicados. Muito mais. Caiu o mundo, mas a prova já havia acabado. prova que começou por volta das 8 horas da manhã e terminou as 4 e pouco da tarde.

O fato de começar mais cedo não influencia na hora final da prova. Particularmente eu estou achando 8 da manhã muito cedo. Amanhã por exemplo teremos que tomar café assim que forem abertas as portas do mesmo no hotel e comer rapidamente, pra chegar no local da prova as 7:30 no máximo e descarregar tudo.

Legal o local da prova, a grama do campo estava bem seca, mas proporcionou um bom espetáculo. O calor foi bem grande. O Miguel colocou a barraca dele num local estratégico, debaixo de uma árvore. Lá estava bem melhor. Nem cheguei perto da lanchonete e banheiro. Correria de pistas grau 3 e 2 foi grande e não deu tempo.

Um fato, alias dois, foram motivo de grande zoeira quando a maioria das pessoas já tinha pegado a estrada. A entrada do local do estacionamento é bem ruim e dois carros ficaram trancados, um inclusive com o parachoque quebrado. Na chegada eu arrisquei e entrei na valeta mais rápido, já atrasado para a prova, enfim... como dizem no agility "o obstáculo está lá para todos". Graças ao Edu ninguém precisou chamar ajuda profissional.

Na foto by Renan Campos, um dos carros desclassificados na saída da prova.



Tags:

Agility | carros e caixas

Previsão do tempo para Valinhos

escrito por Fabi Estiga nesta data  23. janeiro 2015 19:32

Muitas vezes são erradas, as previsões. Com a chuva que cai em São Paulo - Capital - nesse momento, achei melhor ver como será a previsão para Valinhos no sábado e domingo. Não sei se eles deram um ctrl+C e ctrl+V nas imagens da Manhã, Tarde e Noite, ou se é isso mesmo, mas toda semana será assim segundo a previsão do Clima Tempo.

Pra nós interessa sábado e domingo. De qualquer maneira é bom se preparar para chuva. Se ela não cair melhor, se cair já estamos prontos.



Tags: ,

Agility

Médias do Brasileiro

escrito por Fabi Estiga nesta data  22. janeiro 2015 09:59

Rapidez, só pra deixar registrado. Médias dos últimos três brasileiros de agility. Contando esse curtinho que vamos disputar final de semana em Valinhos.

XIVBR - 10 etapas - 104 duplas por prova
XVBR - 10 etapas - 120 duplas por prova
XVIBR - 04 etapas - 118 duplas por prova

Faltam duas etapas do XVI, que também serão disputadas em Valinhos. Quem decidiu nos últimos três anos se a média seria alta ou baixa foram os estrangeiros. Ano passado houve uma prova com menos de 100 cães no Shopping Parque das Bandeiras. Os "culpados" pela baixa na média foram os que viajam mais. Na ocasião apenas 19 estiveram em pista.



Tags:

Agility

Amigo Cão/AgilityESP - me convidei

escrito por Fabi Estiga nesta data  21. janeiro 2015 11:28

Eu nem me lembro mais quando foi, o ano, que sai da Amigo Cão. Primeiramente fui competir pela F4Pet que era uma escola/petshop que havia em Novo Hamburgo. De um amigo. Lá dei aulas, fiz apresentações e fiquei até que a loja foi vendida. Nesses tempos eu já treinava em casa também.

Sai da Amigo Cão e ao mesmo tempo a vida foi me levando pra longe, passamos a competir pelo AgilityESP, que não é uma escola em si e o Aurelio sempre nos convidou para treinar. Nem sempre dava. Fomos algumas vezes lá, muitas, nesses últimos três anos.

Porém desde o final de 2014 começamos a finalmente conseguir estar mais lá, aceitando aos convites do patriarca dos Schubert no Agility, e eu me senti muito bem com todos e me convidei pra voltar a compor a equipe da Amigo Cão, mas com o sulfixo AgilityESP.

Creio que casou bem Amigo Cão Agility Esporte. E eu me sinto mentor intelectual. Se fosse crime ter escola de agility eu seria julgado também por ele. Vi nascer a escola, fiz a logo, o site, participei ativamente e sempre dei pitado nas camisas e treinos. Na real eu sou muito metido. E no final das contas eu fui o primeiro dessa leva toda de gente que veio depois.

Para essas provas do XVIBR serão 11 duplas Amigo Cão, contando quatro AgilityESP. É o maior número de duplas do Rio Grande do Sul competindo em uma prova oficial nacional. Colocando a escola como terceira maior em número de inscritos. A união nos fez e fará fortes. Agility não é esporte coletivo, no entanto olhar para os lados e ter muita gente que pensa pro mesmo lado que você te deixa em uma situação melhor.

Bom, obrigado Aurelio por todo o apoio nessa pré-temporada. Foram bons treinos e me sinto mais confiante para essas provas. E agora, nos vemos em Valinhos!!!



Tags: ,

Agility

122 inscritos para XVIBR em Valinhos

escrito por Fabi Estiga nesta data  21. janeiro 2015 00:11

Inscrições encerradas nesta terça-feira, 20 de janeiro, o número final é promissor. O início no Dog World foi abaixo da média histórica de provas de abertura no CT do time de Cotia. Foram 122 e 116 duplas, respectivamente no sábado e domingo. Agora temos números bem parecidos, com 113 sábado e 114 domingo. Na média, que baixou dos 119 inscritos, temos 116.

A variação é tão pequena, 2,5%, que fica dentro da "margem de erro". kkk.

Os Estrangeiros cresceram. Subiram de 35 para 43. Vintão em termos percentuais pra mais. Claro que são números pequenos. Não estamos falando de 35 mil, são 35 duplas, onde quatro já representam mais de 10%. Mesmo assim, um crescimento.

Reflexo da falta de regionais no RS, PR e MG?

Em termos escolares achei bem interessante a lista. Coloquei dois asteriscos, um na Amigo Cão que tem 11 inscritos, mas 4 tem o sulfixo AgilityESP e outro no próprio AgilityESP que tem quatro duplas em comunhão com a outra escola do RS mais a japa voadora, Gisa Sato! É complicado de entender, mas com o tempo... quem sabe?

25 Dog World
22 Ducão Agility
11 Amigo Cão AgilityESP*
10 EPOCA
09 Border Collie Curitiba
07 Universicão Crtba
07 Cão Bala
06 4FunAgility
05 Agility ESP*
05 Brigada Veneno
04 Samir Agility
04 GAP
03 Universicão BH
03 AMAC
01 Clube de Cãompo

UPDate: entraram quatro inscritos do GAP na lista. Assim teremos 117 duplas sábado e 118 domingo, mudando a média de inscritos por prova para 118,25.



Tags:

Agility

pOsTmIx: nessas vidas da gente

escrito por Fabi Estiga nesta data  20. janeiro 2015 09:52

Começo falando do falecimento da Magali, mulher do Mauro Zimenez (árbitro, condutor e proprietário da EPOCA). Meus sentimentos e desejo de muita força. Não existe nada que possa ser dito num momento de perda como esse. A verdade é que só o tempo acalma o coração.

- Magali não tem registros oficiais conduzindo cães, então não sei se ela já entrou em pista. Tenho conhecimento do trabalho que ela fazia na secretaria de provas. Nunca tive contato com ela, e quando cheguei no esporte já estava afastada do esporte;

- ainda falta muita gente na lista de inscritos. Sempre penso que os estrangeiros poderiam ser mais. Mesmo assim chegamos aos 40 inscritos e talvez aumente um pouco ainda. Agora, 09:56 são 49 no total. Parece mais uma prova do Paranaense que teve adesão dos Cariocas, Mineiros e Paulistas;

- normalmente o número de estrangeiros está na casa dos 30%. Percentualmente pode ser a maior participação se as duplas de SP ficarem na média de inscritos do Paulista. Algo em torno de 65. Numéricamente acho difícil, creio que o recorde de inscritos de fora de SP em uma prova nacional seja de 50;

- hoje, se o tempo ajudar, faremos o último treino antes da prova, lá na Amigo Cão. Treinos em dia de semana para nós são complicados, vamos ver se com o Théo de férias e com horário de verão fica mais fácil.

É isso ai, volto mais tarde.



Tags: ,

Agility

E o número, parcial é 33

escrito por Administrator nesta data  19. janeiro 2015 18:09

Segunda-feira, 18 horas. O número de inscritos é 39 para o XVIBR em Valinhos, com 33 estrangeiros. Mineiros, Paranaenses, Cariocas e os Gauchos. Falta gente ainda, mas tenho a impressão que será percentualmente o recorde de forasteiros em uma prova nacional. Veremos.

Empurrados pelo sul, que nesse momento, apenas com Border Collie Curitiba, Amigo Cão e AgilityESP já conseguiriam fazer uma prova oficial. Interessante.

"Cadelhe" o pessoal de Sampa?



Tags:

Agility

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"