10 anos de agility - Clube Gaúcho de Agility

escrito por Fabi Estiga nesta data  27. abril 2013 00:32

Sim esse da foto sou eu. Sócio número 17, eu escolhi, desde o dia 21 de julho de 2005. A idéia do Clube não foi minha, e ele sequer chegou a existir como entidade, mas realizou provas, matchs e teve lá seus 20 sócios, que pagavam mensalidades, que ajudavam a realizar as provas.

Uma forma de, sem patrocínio, com poucos cães pagantes e sem estrutura, fazer o agility no Rio Grande do Sul funcionar. Era uma forma sem função. Muito mais pra filosofia do que pra a pratica. Explico: lá por 2003/2004 haviam umas 30 duplas competindo. Porém, dessas, mais ou menos umas 15 eram do Exército e tinham isenção de pagamento. O dono da pista tinha mais uns 5 cães e exigia isenção para levar os obstáculos. Nossa receita era bem pequena.

As carteiras eram legais. Sócios teriam descontos em aulas, provas e em estabelecimentos credenciados. Não deu certo porque muito pouca gente conhecia agility. Nem entre os envolvidos o Clube era uma boa. Alguns diziam que o valor cobrado mensalmente era digamos roubado.

Não demorou para acabar. Serve pra mostrar que sempre perdemos mais do que ganhamos.



Tags:

10 anos

Comentários

29/4/2013 23:48:18 #

Tiago/Happy

Poh eu conheci o presidente do clube gaucho de agility.

Nossa truta naquela epoca tu era importante enh!!!! kakaka

Bjão...

Tiago/Happy |

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"