Música tem cheiro

escrito por Fabi Estiga nesta data  30. novembro 2014 22:59

Os mais novos não entenderão, mas música tem cheiro. É algo que pode ser sentido, não apenas pela alma, mas também pelo toque. Perdi o costume de pegar os encartes dos Cds quando compactar, baixar, comprar música pela internet passou a ser muito mais simples. Mas quem disse que o simples e rápido é bom? Miojo é simples e rápido.

Faz tempo que converso sobre isso com as pessoas, uma necessidade de tocar na música. Mais precisamente sobre discos. Primeiro pensando em comprar um toca-discos, uma vitrola, um prato, um deck. Pra voltar a escutar os bolachões. O chiado, o ritual, o toque, o processo e o cheiro. Quem não viveu os tempos dos discos não tem a menor noção do que é abrir um disco novo, sentir o cheiro do encarte e colocar ele pra tocar enquanto lê a ficha técnica da bagaça.

Eu entendo até que você pode achar tudo isso muito profundo, um saco. Concordo e durante uns 10 anos fui levado por essa comodidade do clique aqui e clique ali e leve a música para qualquer lugar. Hoje resolvi tirar esse nó da garganta comprando o Sonic Highways, que tem um puta encarte com muitas fotos, coisa que fã curte pouco.

Agora enquanto escuto as músicas, numa qualidade muito, mas muito maior do que eu tinha, já que baixei do youtube, cheirando o encarte que não tem caixa, é como se fosse uma capa de disco só quem tamanho PP, tenho a sensação do que perdi nos últimos 10 anos. Porém fico menos triste já que nem todas as bandas tem esse lance que o Foo Fighters tem, de produzir um material tão bom quanto esse. Agora me resta apenas, comprar os outros sete discos de estúdio da banda. Como bom fã que devo ser, é o mínimo que posso fazer por quem me dá tanto por tão pouco.



Tags:

Música

Comentários

2/12/2014 08:45:23 #

Miguel Ferigatto

Me deixou na vontade...

Miguel Ferigatto Brasil |

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"