Uma lenda que se vai - Kuka

escrito por Fabi Estiga nesta data  7. outubro 2015 14:25

Nessas horas não tem muita coisa pra falar. Quando um cachorro nos deixa fica um buraco gigantesco em nossas vidas. Kuka, mais ainda, era parte da vida de muitas pessoas. Uma lenda do Agility nacional, com tantas e tantas histórias incríveis. É o caso do cachorro que supera o dono. Tanto que Eduardo Falcone, grande advogado, era no agility o Seo Kuka. 

Pouco mais de dois anos atrás participei dessa incrível honemagem para a Kuka. Fizemos premiações colecionáveis com frases do Seo Kuka. Como "parabéns você ficou em primeiro lugar, já pode conduzir um Shetland!". Frases quase edificantes.

O que fica, na minha lembrança, é a cachorra louca que latia quando você espirrava, corria atrás dos fogos de artifício, e era ótima em pista. Inspiradora. Edu sempre me incentivou muito, inclusive para ter um Shetland. Nimoy é parente dela, longe, mas é. No fundinho tenho um pedacinho de Kuka comigo.

Para a família Falcone, Edu e Ana, meus sentimentos. Aqui temos muitos posts falando de Kuka e Seo Kuka.



Tags:

Agility

Comentários

12/10/2015 19:28:59 #

Seo Kuka

Fabiano,
Calculo o que vocês estão passando com o Elvis. Experiência igual à minha você já teve. Mas cada qual tem uma reação. Aqui a perda foi incomensurável, pois ela era a rainha da casa e chee da matilha até o final. Os demais estão agora começando a sentir a falta dela, principalmente a Nina com reações totalmente estranhas e sempre de prontidão aguardando o retorno da Kuka como se ela tivesse sido levada por mim e ainda estivesse para voltar. Creio que a rotina, como falou o Dante, trará o ambiente antes mais alegre. Depende de nossa reação, minha e da Ana Luiza.
Outra coisa. O dia que nos encontrarmos TE MATO. Brincadeira mas que você nos emocionou muito é a pura realidade. Do respeito, passamos a ter amor por você e a Vivian que me telefonou e foi um amor. Obrigado pela linda homenagem a um cão que além de especial como você colocou, era de um carinho comigo exagerado, pois muito maior que um filho. conversávamos bastante, eu e ela. Loucura? Não. Sanidade total para que ambos na convivência fôssemos felizes como fomos nestes quase 15 nos de companhia diária sem qualquer altercação. Casamento mais que perfeito.

Seo Kuka Brasil |

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"